Atleta capixaba de Jiu-Jitsu fatura terceiro mundial

Esportes

Atleta capixaba de Jiu-Jitsu fatura terceiro mundial

A atleta, que já foi campeã mundial em 2012 e 2015, também trouxe da competição uma notícia especial: continua entre as dez melhores lutadora de Jiu-Jitsu do mundo

Ela passou pelo balé, natação e várias modalidades. Mas foi no Jiu-Jitsu que Fernanda Mazzelli encontrou a vontade de seguir uma carreira esportiva. A capixaba, que aos 11 anos iniciava sua jornada com a faixa branca, hoje está nos melhores tatames, com a faixa preta e mais um mundial para o Brasil.

Fernanda Mazzeli durante participação no mundial  Foto: Divulgação - IBJJF

Natural de Guarapari, Fernanda conquistou no último final de semana seu terceiro título mundial na modalidade pela categoria peso-pesado. A atleta, que já foi campeã mundial em 2012 e 2015, também trouxe da competição uma notícia especial: continua entre as dez melhores lutadora de Jiu-Jitsu do mundo.

A competição aconteceu nos Estados Unidos, e reúne os principais nomes do mundo da luta. Apesar das dificuldades para participar do evento, como o pagamento de passagens e hospedagem, Fernanda fez as malas e partiu rumo a competição, e fez a viagem valer a pena. 

No confronto final, onde enfrentou a canadense Alison Tremblay, Fernanda tinha a vantagem por 2 a 0, mas viu a adversária se recuperar e empatar. Com o empate, a decisão ficou para os árbitros, e a capixaba chegou à sua terceira medalha de ouro na competição. Para Fernanda um alívio, pois buscava repetir a boa atuação que teve no ano passado.

“Saber do resultado final foi um alívio. É a competição mais esperada do ano. Na modalidade, a atenção principal está neste torneio, e ali estão os melhores, desde a faixa branca até a faixa preta. Isso aumenta a expectativa, e também a vontade de sair como a melhor”, disse Fernanda. 

A capixaba se prepara para uma competição nos Emirados Árabes Foto: Divulgação - IBJJF

A ordem agora para Fernanda é descansar, mas sem perder mas sem perder o foco em seu próximo objetivo: participar do torneio que acontece no final deste ano nos Emirados Árabes. 

“O principal campeonato já foi, agora é descansar e logo recuperar o fortalecimento. No final do ano pretendo ir para uma competição em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. Depois do mundial, essa é considerada a competição mais importante, e quero estar lá”, finalizou Fernanda.