Gatito Fernández brilha com grandes defesas e Figueirense supera Flamengo

Esportes

Gatito Fernández brilha com grandes defesas e Figueirense supera Flamengo

Único gol da partida no Orlando Scarpelli, em Florianópolis, foi marcado pelo atacante Rafael Moura, ainda no primeiro tempo, após belo passe do meia Carlos Alberto

Redação Folha Vitória
Rafael Moura foi o autor do único gol do jogo no Orlando Scarpelli Foto: Divulgação/Site Oficial do Figueirense

Florianópolis - Em partida de gala do goleiro Gatito Fernández, o Figueirense venceu por 1 a 0 o Flamengo, neste domingo, em Florianópolis, em jogo válido pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. O único gol da partida foi marcado por Rafael Moura, ainda no primeiro tempo. Com a vitória, os catarinenses somam nove pontos na zona intermediária da tabela. Já o Flamengo permanece com dez pontos e segue fora do G4, a três do Corinthians, agora quarto colocado após ter sido derrotado por 1 a 0 pelo Palmeiras no clássico deste domingo.

O primeiro tempo no Orlando Scarpelli foi de um Flamengo dominando as ações e o Figueirense acuado, errando bastante e apostando no contra-ataque. A melhor oportunidade dos visitantes foi aos 14 minutos, quando Felipe Vizeu recebeu belo passe, invadiu a área e bateu de canhota. Gatito Fernández tirou com as pontas dos dedos.

Desorganizados, os catarinenses acharam um gol no final da primeira etapa em uma jogada que envolveu a participação de dois experientes jogadores. Carlos Alberto levantou da direita e Rafael Moura pegou um belo chute cruzado que foi parar no ângulo de Muralha, aos 41 minutos.

Se o gol deu um certo alívio aos torcedores alvinegros, o segundo tempo foi de terror. Durante 45 minutos o Flamengo rondou a área adversária e só não empatou por causa do goleiro alvinegro. Gatito Fernández apareceu aos oito e aos 20 minutos, nos chutes fortes de Alan Patrick, e aos 34, em cabeçada certeira de Felipe Vizeu.

O Figueirense chegou a assustar aos 11 minutos, com chute de Ermel, que parou em Muralha. Mas, com as saídas de Carlos Alberto e Rafael Moura, machucados, restou ao time catarinense se defender, e a estratégia valeu os três pontos.

Na próxima rodada, Figueirense e Flamengo jogam na quarta-feira, fora de casa. O time rubro-negro encara o Cruzeiro, no Mineirão, a partir das 21h45, enquanto os catarinenses vão a Recife enfrentar o Santa Cruz, no Arruda, às 21 horas.

FICHA TÉCNICA

FIGUEIRENSE 1 X 0 FLAMENGO

FIGUEIRENSE - Gatito Fernández; Ayrton, Marquinhos, Bruno Alves, Marquinhos Pedroso; Elicarlos, Ferrugem, Carlos Alberto (Bady); Dudu, Rafael Moura (Guilherme Queiroz), Ermel (Lins). Técnico: Vinícius Eutrópio.

FLAMENGO - Alex Muralha; Rodinei, Léo Duarte, Rafael Vaz, Jorge; Márcio Araújo (Mancuello), Willian Arão, Ederson (Gabriel), Alan Patrick, Everton (Marcelo Cirino); Felipe Vizeu. Técnico: Zé Ricardo.

GOL - Rafael Moura, aos 41 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Dudu e Marquinhos (Figueirense); Everton (Flamengo).

ÁRBITRO - Leandro Pedro Vuaden (RS).

PÚBLICO - 11.556 torcedores.

RENDA - R$ 357.270,00.

LOCAL - Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC).