• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Oeste vence mais uma na Série B e aumenta a crise no Tupi

Esportes

Oeste vence mais uma na Série B e aumenta a crise no Tupi

Juiz de Fora - O Tupi chegou ao quarto jogo seguido sem vitória na noite desta terça-feira ao perder para o Oeste, por 1 a 0, no Estádio Mário Heleno, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Bastante criticado pela torcida após a sexta derrota em sete jogos, o técnico Ricardo Drubscky corre sérios riscos de ser demitido. E o resultado poderia ter sido ainda pior se não fosse a grande atuação do goleiro Rafael Santos.

A última e única vitória do Tupi foi sobre o Paysandu, na terceira rodada. Depois disso, aconteceram quatro derrotas seguidas. Com três pontos, o time mineiro é o penúltimo colocado, à frente apenas do Sampaio Corrêa. Por outro lado, o Oeste, invicto há três jogos, chegou aos 11 pontos e encostou nos primeiros colocados.

A etapa inicial foi bastante movimentada, com os dois times criando vários lances de perigo, mas sem balançarem as redes. Na volta do intervalo, o Oeste pressionou o Tupi e, depois de Rafael Santos e a trave salvarem em dois lances, abriu o placar aos 15 minutos. Léo Artur recebeu de Mazinho dentro da área e soltou a bomba. O Tupi esboçou uma pressão nos minutos finais, mas não conseguiu chegar ao empate.

O Oeste volta a campo na sexta-feira, contra o Goiás, às 20h30, no Serra Dourada, em Goiânia, pela oitava rodada. No sábado, o Tupi vai até Pelotas enfrentar o Brasil, às 16 horas, no Bento de Freitas.

FICHA TÉCNICA:

TUPI 0 X 1 OESTE

TUPI - Rafael Santos; Douglas, Heitor, Rodolfo Mol e Bruno Costa; Rafael Jataí, Recife, Marcos Serrato e Jonathan (Ygor); Henrique (Vinícius Kiss) e Giancarlo (Michel Henrique). Técnico: Ricardo Drubscky.

OESTE - Felipe Alves; Felipe Rodrigues, Francis e André Castro; Danielzinho, Betinho, Mazinho e Francisco Alex (Robert); Maurinho (Maurício), Marcus Vinícius (Matheus Vargas) e Léo Artur. Técnico: Fernando Diniz.

GOLS - Léo Artur, aos 15 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Rodolpho Toski Marques (PR).

CARTÕES AMARELOS - Rodolfo Mol e Douglas (Tupi).

RENDA - R$ 9.090,00.

PÚBLICO - 483 pagantes.

LOCAL - Estádio Mário Heleno, em Juiz de Fora (MG).