Atlético-GO quer ser mais letal no Rio para voltar a vencer no Brasileirão

Esportes

Atlético-GO quer ser mais letal no Rio para voltar a vencer no Brasileirão

Redação Folha Vitória

Goiânia - Sem vencer há duas rodadas - derrotas para Atlético Paranaense e Palmeiras, ambas por 1 a 0 -, o Atlético Goianiense fechou a preparação para buscar os três pontos contra o Vasco, neste domingo, às 11 horas, no estádio de São Januário, no Rio, pela 10.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ciente da importância da vitória na luta contra o rebaixamento, o volante Silva deixou claro que ninguém do elenco está para brincadeira e ainda pediu um time mais letal para conquistar o triunfo mesmo fora de casa.

"É normal que o torcedor fique preocupado, até porque estamos na zona de rebaixamento. Mas todos estão pensando de maneira positiva, ninguém está aqui para brincar. Precisamos estar concentrados e sermos letais para conquistar a vitória. Vamos em busca do nosso objetivo que é continuar na divisão", afirmou Silva, que é líder do grupo.

O técnico Doriva voltou a relacionar o meia Jorginho, poupado na derrota para o Palmeiras. No entanto, a tendência é que fique no banco de reservas, já que o time teve uma grande atuação na última rodada com Silva, Marcão Silva, Andrigo, Breno Lopes e Luiz Fernando no setor. "Perdemos, porém jogamos bem. Mas agora precisar é vencer e pontuar porque ficar na parte de baixo da tabela é bastante complicado", disse o comandante. Com apenas seis pontos, a equipe goiana é a penúltima colocada, um ponto na frente do Avaí.

Dois jogadores continuam de fora dos planos da comissão técnica. O volante Igor, com uma lesão na coxa, e o lateral-direito Jonathan, em fase final de recuperação.