• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chelsea e Arsenal doarão renda de final às vítimas de incêndio em prédio londrino

Esportes

Chelsea e Arsenal doarão renda de final às vítimas de incêndio em prédio londrino

A entidade explicou que espera arrecadar cerca de 1,25 milhão de libras (R$ 5,3 milhões) com a venda de ingressos para a partida

A Associação de Futebol de Inglaterra (FA) anunciou nesta sexta-feira que Chelsea e Arsenal decidiram doar a renda da venda de ingressos para a final da Supercopa da Inglaterra às vítimas e familiares das vítimas do incêndio ocorrido no prédio Grenfell Tower, na semana passada, em Londres.

A entidade explicou que espera arrecadar cerca de 1,25 milhão de libras (R$ 5,3 milhões) com a venda de ingressos para a partida que acontecerá no dia 6 de agosto, em Wembley, e marca a abertura da temporada do futebol inglês. A doação foi confirmada pelo presidente da FA, Greg Clarke.

"Como todo o país, nós estamos profundamente tristes com o terrível incidente na Grenfell Tower. O sofrimento e perda daqueles envolvidos é inimaginável. Mesmo sendo apenas uma partida de futebol, esperamos contribuir de alguma pequena forma para ajudar. Dois grandes clubes de Londres estarão juntos e se unirão em sua paixão pelo futebol, no luto pelas perdas trágicas e no apoio à comunidade", declarou.

A Supercopa da Inglaterra coloca frente a frente anualmente o campeão do Campeonato Inglês, no caso o Chelsea, e o vencedor da Copa da Inglaterra, o Arsenal, e tem como costumes realizar ações de caridade e em benefício da comunidade. Desta vez, estará apoiando as vítimas do incêndio que deixou 79 mortos, além de outras dezenas de feridos, ocorrido a apenas oito quilômetros do Estádio Wembley.

"Foi um choque profundo e uma dor a tragédia que caiu sobre as pessoas da região na semana passada. Nossos pensamentos estão com as famílias e os amigos daqueles que perderam suas vidas, e nossa solidariedade vai para qualquer um que sofreu de qualquer forma com o trágico incêndio", disse o presidente do Chelsea, Bruce Buck.

Além da doação da renda, as famílias das vítimas do incêndio serão convidadas a assistir à partida no estádio. "Como o resto da nação, o Arsenal ficou chocado com o incidente na Grenfell Tower e nosso coração vai para aqueles afetados pela tragédia. O clube estará ao lado do Chelsea para expressar nosso apoio e solidariedade àqueles que perderam amigos e familiares", comentou o chefe-executivo do Arsenal, Ivan Gazidis.