• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chile estuda lançar candidatura para a Copa de 2026 com vizinhos sul-americanos

Esportes

Chile estuda lançar candidatura para a Copa de 2026 com vizinhos sul-americanos

A Copa do Mundo de 2018 será disputada na Rússia e a edição de 2022 do torneio está agendada para o Catar

O presidente da Associação Chilena de Futebol, Arturo Salah, revelou nesta quarta-feira, na Rússia, onde a seleção nacional disputa a Copa das Confederações, que estuda a possibilidade de o país se lançar como candidato a sediar a Copa do Mundo de 2026 em conjunto com vizinhos sul-americanos.

"Vamos considerar a possibilidade de fazê-lo junto com outros países. Poderia ser com dois ou três países. Vamos ter que ver. O período de licitação está aberto. Temos que ver se existe alguma possibilidade de parceria com nossos vizinhos e se podemos fazer uma proposta", disse o dirigente chileno, sem revelar quais nações seriam convidadas a ser coanfitriãs no evento.

O anúncio do Chile - que sediou a Copa de 1962 - foi visto como surpreendente devido ao favoritismo estabelecido da candidatura em conjunto dos países da América do Norte (Estados Unidos, México e Canadá), a única, até agora, formalizada para o evento.

O presidente da Confederação Sul-Americana de Futebol, Alejandro Domínguez, já havia dito que o continente pretende sediar a Copa de 2030, quando será comemorado o centenário da primeira edição do torneio, disputada em 1930, no Uruguai. O prazo para a confirmação das candidaturas para o Mundial de 2026 termina no dia 11 de agosto.

A Copa do Mundo de 2018 será disputada na Rússia e a edição de 2022 do torneio está agendada para o Catar.