Sérvia bate Costa Rica com gol de falta em abertura de grupo do Brasil

FOLHA NA COPA

Esportes

Sérvia bate Costa Rica com gol de falta em abertura de grupo do Brasil

Lateral Kolarov faz golaço para superar retranca costa-riquenha e goleiro Navas e dá ao time sérvio a vitória em Grupo E da Copa da Rússia

Foto postada no dia 18 de abril | Foto: Instagram/Kolarov

Adalberto Leister Filho, do R7

A Sérvia venceu a Costa Rica por 1 a 0 neste domingo (17), na abertura do Grupo E da Copa, o mesmo do Brasil. O gol foi do lateral-esquerdo Kolarov, em bela cobrança de falta. O jogo foi disputado em Samara, na Rússia.

O jogo

A Costa Rica começou pressionando a Sérvia, aparecendo com perigo já aos 3', com uma cabeçada do zagueiro González defendida no meio do gol por Stojkovic.

Com um meio-campo mais qualificado, aos poucos a Sérvia foi dominando a posse de bola e aparecendo no ataque com mais perigo. A Costa Rica, por sua vez, postou cinco jogadores protegendo a entrada da área, dificultando as chances sérvias de finalizar ao gol.

Aos 27', o lateral-esquerdo Kolarov lançou Milinkovic-Savic, que perdeu ótima chance na cara do gol. Keylor Navas defendeu. Aos 36', a Sérvia apareceu novamente com perigo, em cobrança de falta da direita. Navas tirou de soco.

Em falha da defesa da Sérvia, a Costa Rica apareceu com perigo aos 39', com um chute de Ureña de fora da área. A bola, porém, subiu muito, passando por cima do gol defendido por Stojkovic.

Quase no final do primeiro tempo, aos 43', em cruzamento na área, Milinkovic-Savic tentou de bicicleta. Navas defendeu. Mas a arbitragem já havia parado o lance, assinalando um impedimento inexistente.

Gol da Sérvia

Logo aos 5', o atacante Mitrovic chegou na cara do gol. Navas praticou um milagre. No rebote a defesa costa-riquenha conseguiu tirar para escanteio.

A defesa da Costa Rica, porém, acabou vazada aos 11'. Kolarov mandou chute indefensável para Navas em cobrança de falta perfeita. 

Mudanças na Costa Rica

Com seus sistema de jogo desmontado, o técnico Óscar Ramirez, da Costa Rica, fez duas alterações tentando deixar a equipe mais ofensiva. O treinador colocou Bolaños e Campbell, jogador promissor da Copa 2014, mas que não conseguiu se firmar no Arsenal, da Inglaterra.

Com isso, Campbell funcionava como um pivô fixo dentro da área. Mas, bem marcado, pouco conseguia produzir. No contra-ataque, foi a Sérvia quem obteve as melhores chances. Aos 31', Tadic cruzou da direita bola perigosa na pequena área. Navas não conseguiu defender, e Kostic perdeu na cara do gol.

Satisfeito com a vitória simples, aos 37', o técnico Mladen Krstajic reforçou a marcação, retirando o meia Tadic e colocando o lateral Rukavina, do Villarreal, em seu lugar. Com isso, o lateral-direito Ivanovic foi reforçar a zaga, fazendo a Sérvia atuar com cinco defensores e apenas um atacante fixo.

Aos 45', Kostic chutou forte de fora da área. Mas a bola passou por cima do gol de Navas. Nos descontos, Bolaños ainda perdeu na cara do gol após bola alçada na área. Mas a arbitragem marcou impedimento.

Próximos jogos

O próximo jogo da Sérvia será contra a Suíça, adversária do Brasil na estreia da Copa. A partida será em Kaliningrado, na próxima sexta-feira (22). Já a Costa Rica irá enfrentar a seleção brasileira no mesmo dia, às 9h. O jogo está marcado para São Petersburgo. 

FICHA DO JOGO

17/6 – Estádio: Arena Samara (Samara)

COSTA RICA 0X1 SÉRVIA

Árbitro: Malang Diedhiou (Senegal); Gol: Kolarov, aos 11’ do 2º tempo. Cartões amarelos: Calvo (Costa Rica) e Ivanovic (Sérvia).

COSTA RICA: Keylor Navas; Gamboa, Acosta, González, Duarte e Calvo; Borges, Guzman (Colindres, aos 28’ do 2º tempo), Bryan Ruiz e Venegas (Bolaños, aos 15’ do 2º tempo); Ureña (Campbell, aos 21’ do 2º tempo). Técnico: Óscar Ramirez

SÉRVIA: Stojkovic; Ivanovic, Milenkovic, Tosic e Kolarov; Matic e Milivojevic; Ljajic (Kostic, aos 24’, aos 25’ do 2º tempo), Tadic (Rukavina, aos 37’ do 2º tempo) e Milinkovic-Savic; Mitrovic (Prijovic, aos 44’ do 2º tempo). Técnico: Mladen Krstajic.