• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chapecoense vence com golaço e mantém o Vasco na zona de rebaixamento

Esportes

Chapecoense vence com golaço e mantém o Vasco na zona de rebaixamento

Chapecó - Depois de duas vitórias seguidas sob o comando do técnico Celso Roth, que iniciou bem o seu trabalho após substituir o demitido Doriva, o Vasco viu o seu embalo no Campeonato Brasileiro ser freado pela Chapecoense, no final da noite deste sábado, na Arena Condá, em Chapecó. Com um belo gol do zagueiro Neto, o time catarinense derrotou os vascaínos por 1 a 0.

Com o resultado, a equipe carioca se manteve na zona de rebaixamento, com nove pontos, na 18ª posição. Já o time catarinense chegou aos 16 pontos e assumiu a oitava colocação nesta abertura de 11ª rodada da competição nacional.

Antes de parar na Chapecoense, o Vasco vinha de vitórias sobre Flamengo e Avaí, mas agora viveu uma noite muito infeliz em Chapecó, onde chegou a ter dois jogadores expulsos no segundo tempo. Já o time da casa se recuperou no torneio após ter sido derrotado pelo Palmeiras por 2 a 0, no meio de semana.

O JOGO - No primeiro tempo do duelo, os dois times sofreram para criar chances de gol. Esbarrando em suas evidentes limitações técnicas, as equipes deram pouco trabalho aos goleiros adversários.

Pelo lado da Chapecoense, Hyoran quase marcou em chute forte de fora da área de Hyoran, que passou perto da trave direita de Charles aos 15 minutos. Com pouco volume de jogo, o Vasco respondeu rápido, mas só foi assustar Danilo pela primeira vez com algum perigo aos 19 minutos, em chute de Christianno que acertou a rede pelo lado de fora.

Aos 27 minutos, a Chapecoense voltou a levar perigo novamente após Rafael Lima completar cruzamento que Charles não conseguiu segurar e viu a bola quase sobrar para Neto, antes de o goleiro se recuperar no lance e agarrar a bola.

Na etapa final, a vida do Vasco começou a complicar logo no primeiro minuto, quando Camilo ganhou disputa pelo alto e partiu para ficar cara a cara com Charles. Christiano, como último homem da zaga, segurou o adversário e acabou sendo expulso na sequência.

Mesmo com um homem a mais em campo, o time catarinense continuava sofrendo muito para criar oportunidades de marcar. Entretanto, acabou achando o único gol do jogo em um lance improvável. Aos 29 minutos, Camilo bateu falta pelo lado esquerdo, Neto ajeitou de costas para o gol e soltou uma meia-bicicleta, surpreendendo o goleiro Charles, que não teve como alcançar a bola no seu canto esquerdo baixo.

E, se a missão vascaína já estava dura, se complicou ainda mais aos 33 minutos, quando John Clay, que já tinha cartão amarelo, foi expulso após fazer uma falta dura em Wagner.

Com dois homens a menos, Roth se viu obrigado a sacar Riascos do ataque, que antes já tinha perdido Gilberto também por força da expulsão de Christianno. Desta forma, o time se tornou muito defensivo, mas mesmo assim quase empatou aos 43 minutos, em cruzamento da esquerda que desviou em Rafael Lima e passou perto da meta do time catarinense, que acabou ficando com a vitória.

Após o confronto deste sábado, a Chapecoense voltará a campo pelo Campeonato Brasileiro na próxima quarta-feira, contra o Grêmio, às 19h30, novamente na Arena Condá, em Chapecó. No mesmo dia, o Vasco terá pela frente o São Paulo, às 22 horas, no Mané Garrincha, em Brasília.

FICHA TÉCNICA

CHAPECOENSE 1 X 0 VASCO

CHAPECOENSE - Danilo; Apodi, Rafael Lima, Neto e Dener Assunção; Bruno Silva (Roger), Elicarlos (Wagner), Cleber Santana, Hyoran (Maranhão) e Camilo; Bruno Rangel. Técnico: Vinícius Eutrópio.

VASCO - Charles; Madson, Aislan, Anderson Salles e Christianno; Guiñazu, Lucas, Julio Cesar e Emanuel Biancucchi (Jhon Cley); Riascos (Thalles) e Gilberto (Lucas). Técnico: Celso Roth.

GOL - Neto, aos 29 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Ricardo Marques Ribeiro (Fifa/MG).

CARTÕES AMARELOS - Bruno Rangel (Chapecoense); Guiñazu (Vasco).

CARTÕES VERMELHOS - Christianno e Jhon Cley (Vasco).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Arena Condá, em Chapecó (SC).