Léo Príncipe tem chance de mostrar para Cristóvão que merece jogar mais

Esportes

Léo Príncipe tem chance de mostrar para Cristóvão que merece jogar mais

Redação Folha Vitória

São Paulo - O assunto no Corinthians nesta semana é a possível reestreia de Alexandre Pato pela equipe, mas outro jogador vê a partida diante do Figueirense, sábado, no Itaquerão, como a chance de sua vida. O lateral-direito Léo Príncipe tem a oportunidade de mostrar para o técnico Cristóvão Borges que merece ter mais chances e que a diretoria não precisa buscar um reforço para a posição.

"É uma honra defender esse clube. Espero que esse seja apenas o primeiro capítulo de uma trajetória bonita aqui e quero fazer história no Corinthians", disse o lateral, de 19 anos, e que entrará no lugar de Fagner, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

O reserva imediato de Fagner era Edilson, que foi para o Grêmio. Cristóvão chegou a pedir a contratação de um outro lateral e indicou Eduardo, do Atlético-PR, mas o jogador acertou com o Bahia.

Léo Príncipe fará uma "segunda estreia" no Itaquerão. Seu primeiro jogo como profissional foi justamente no estádio, mas ele atuava no lado oposto. "Curiosamente, estreei lá quando estava emprestado ao Oeste, no Paulistão. Acredito que consegui jogar bem e pouco depois o clube solicitou o meu retorno, algo que me deixou bastante feliz", comentou o garoto.

O jogador fez parte do time campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2015, e neste ano foi emprestado para disputar o Campeonato Paulista pelo Oeste. Ele retornou ao clube por indicação de Tite, para ser a terceira opção no setor.

Animado, o garoto aproveita os treinamentos no CT Joaquim Grava para conversar com os atletas mais experientes. "Há muito tempo venho trabalhando para esse momento. Os jogadores e a comissão técnica sempre conversam comigo, me orientam e ajudam nesse processo, que é natural. Agradeço a confiança de todos e quero agarrar a chance para mostrar meu potencial. Quando a oportunidade aparece, tem que estar pronto e estou à disposição para ajudar o time", completou.