• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chelsea anuncia acordo com o Real Madrid para adquirir Morata

Esportes

Chelsea anuncia acordo com o Real Madrid para adquirir Morata

Londres - O espanhol Alvaro Morata está novamente de saída do Real Madrid. Nesta quarta-feira, o Chelsea anunciou que fechou um acordo com o clube atual campeão europeu para se reforçar com o atacante, aumentando as opções para o seu setor ofensivo na próxima temporada.

O time londrino explicou que, já tendo um acerto com o Real Madrid, resta apenas ao Chelsea chegar a um acordo com Morata, de 24 anos, além de o jogador ser aprovado nos exames médicos necessários para ter a sua contratação oficializada.

Esta é a segunda vez que Morata deixa o Real Madrid. O atacante iniciou a sua carreira profissional no gigante espanhol e se transferiu em 2014 para Juventus. Ele retornou ao clube no início da última temporada, após ficar dois anos em Turim, mas não conseguiu conquistar a titularidade, especialmente em função da concorrência do francês Benzema, o que abriu caminho para uma nova transferência.

Nessa segunda passagem, Morata marcou 20 gols em 43 partidas pelo Real Madrid, mas foi titular em apenas 19 jogos. O atacante até havia sido relacionado para a excursão do time espanhol pelos Estados Unidos na sua pré-temporada, mas agora vai mudar novamente o seu destino.

Os detalhes financeiros da transação não foram revelados pelos clubes, mas as informações da imprensa britânica são de que o clube vai desembolsar 70 milhões de libras (cerca de R$ 290 milhões) para adquiri-lo, o que seria um valor recorde na história do time londrino.

De qualquer forma, é certo que o Chelsea precisou desembolsar uma grande quantia para tirar Morata do Real Madrid, em uma ação adotada no mercado de transferências especialmente por causa da indefinição sobre a permanência do atacante Diego Costa, que entrou em rota de colisão com o técnico Antonio Conte.

A contratação de Morata é, sem dúvida, a de maior impacto do Chelsea nesta janela de transferências, mas o clube já havia anunciado outros reforços. Anteriormente, chegaram ao clube o goleiro argentino Willy Caballero, que assinou após o fim do seu vínculo com o Manchester City, o defensor alemão Antonio Rüdiger, que estava na Roma, e o volante Tiemoué Bakayoko, adquirindo junto ao Monaco.