• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

'Não acho que 300 milhões valem mais do que contar com Neymar', diz Iniesta

Esportes

'Não acho que 300 milhões valem mais do que contar com Neymar', diz Iniesta

Nos últimos dias aumentaram ainda mais as especulações de que Neymar irá para o Paris Saint-Germain

O assunto Neymar monopolizou o Barcelona na véspera do aguardado clássico com o Real Madrid, sábado, em Miami, pela International Champions Cup. Em entrevista coletiva realizada nesta sexta-feira, o meia Iniesta enalteceu o brasileiro e pedia sua permanência no clube.

Nos últimos dias aumentaram ainda mais as especulações de que Neymar irá para o Paris Saint-Germain. Parte da imprensa europeia, inclusive, trata o jogo entre Barcelona e Real Madrid como a possível despedida do brasileiro.

"É o que sempre disse desde o início. É um dos melhores do mundo e, quem sabe, ficará por muitos anos no Barcelona. Seria uma grandíssima notícia para o clube e para ele. Esse é o meu único desejo. Não acho que 200 ou 300 milhões (de euros) possam trazer mais benefícios do que contar com ele", enalteceu o meia espanhol.

Sobre a briga envolvendo Neymar e Nélson Semedo, recém-chegado como reforço contratado junto ao Benfica, Iniesta avaliou ser algo relativamente normal. "É certo que houve esse incidente, mas é algo que faz parte de um treinamento. Mas pela situação e pelo que se fala sobre Neymar, tem muito mais transcendência. Para quem está treinando, de dentro, não é algo habitual, mas que acontece."

O atacante uruguaio Luis Suárez também participou da coletiva e foi em caminho semelhante ao traçado por Iniesta: Neymar é um grande jogador e, se sair, fará muita falta ao Barcelona.

Ainda assim, para o atacante, o mais importante é que a situação se resolva logo. "O que queremos é que ele fique. É um prazer jogar com ele e seria uma lástima não continuar aqui", comentou o uruguaio. "Mas está claro que, quanto antes isto for resolvido, melhor será para todos e para o próprio Neymar. Logo ele dará suas explicações e o que temos de fazer é apoiá-lo na decisão que tomar."