• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Aguirre evita euforia citando queda de gigantes na Copa e vê 'sorte' de Reinaldo

Esportes

Aguirre evita euforia citando queda de gigantes na Copa e vê 'sorte' de Reinaldo

Embora o São Paulo tenha atropelado o Corinthians na vitória por 3 a 1 conquistada no final da noite deste sábado, no Morumbi, o técnico Diego Aguirre preferiu conter a euforia ao comentar a atuação de sua equipe e até citou a queda de seleções gigantes na última Copa do Mundo ao ser questionado se hoje o seu time desponta como um dos principais favoritos ao título do Campeonato Brasileiro.

O comandante admitiu que a longa pausa no calendário da competição, motivada justamente pela realização do Mundial na Rússia, foi benéfica para a equipe são-paulina e ressaltou que o longo período de treinos sem jogos oficiais no período agora está surtindo o efeito desejado - o time já acumula vitórias sobre o líder Flamengo (1 a 0, no Maracanã) e agora sobre os corintianos nesta retomada do Brasileirão.

"Quando perguntavam se a parada da Copa seria boa, eu dizia que sim, porque a gente jogava sem treinar. E agora o time está melhor porque o trabalho tem que ser visto no campo e isto está acontecendo. Sobre ser candidato ao título, não gosto de falar disso, nem favorito. Na Copa do Mundo, quantos favoritos ficaram fora: Alemanha, Argentina... Não gosto de falar disso", afirmou Aguirre, em entrevista coletiva.

O treinador também comemorou o fato de que Reinaldo exibiu uma grande atuação, com dois gols, mas acredita que o jogador também deu sorte no clássico. "Foi uma opção colocar Reinaldo na segunda linha, onde tem jogado em outros times, não é uma posição desconhecida. Quis reforçar o lado esquerdo, por causa de Fagner (lateral-direito corintiano), mas nunca imaginaria que Reinaldo faria dois gols. Teve sorte. E, quando o treinador faz uma mudança e ganha o jogo, é bom. Mas, se tivesse perdido, falariam que foi um esquema defensivo, essas coisas", alfinetou.

Aguirre ainda enfatizou a importância de o São Paulo já começar a focar o duelo contra o Grêmio, na quinta-feira, às 19h30, em Porto Alegre, pela 15ª rodada do Brasileirão, e lembrou que o torneio nacional ainda está bem longe de acabar. "Fizemos um jogo muito bom. Vamos jogo a jogo. Isso está começando. Tem muito campeonato pela frente. Então, a única coisa que temos que pensar é que quinta-feira vamos a Porto Alegre jogar contra o Grêmio e tentar fazer nosso melhor futebol", projetou.