• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Em apresentação, Nathan se candidata a ser o camisa 10 do Atlético-MG

  • COMPARTILHE
Esportes

Em apresentação, Nathan se candidata a ser o camisa 10 do Atlético-MG

Depois de oficializar a contratação do Nathan nesta terça-feira, o Atlético-MG apresentou o jogador na Cidade do Galo. O meia relatou a experiência dele nas últimas temporadas, nas quais foi emprestado pelo Chelsea a equipes do futebol europeu, e se candidatou a ser o armador do time.

"Gosto de jogar pelo meio, minha posição de origem é camisa 10. Sei que preciso ajudar os volantes, aprendi muito isso com o Gallo na Seleção, e, nas ações de ataque, tenho certeza que coisas boas virão. O Galo é uma grande equipe e vou trabalhar firme para, quem sabe, conquistar o título brasileiro, que é meu sonho também", comentou o jogador em entrevista coletiva.

Revelado pelo Atlético Paranaense, Nathan pouco jogou no futebol brasileiro antes de ser comprado pelo Chelsea, clube com o qual o meia ainda tem vínculo e o cedeu ao Atlético-MG até junho de 2019.

"Deixei o Brasil muito novo, com 17 para 18 anos, amadureci, cresci como pessoa e como jogador. Minha condição física está melhor e sei que coisas boas virão. Vou trabalhar forte e espero estar logo dentro de campo", disse o jogador, que teve passagens por Vitesse, da Holanda, Amiens, da França, e Belenenses, de Portugal.

A contratação foi celebrada pelo diretor de futebol do clube, Alexandre Gallo, que trabalhou com o jogador quando foi treinador de seleções de base do Brasil, entre 2013 e 2015. "Estivemos juntos em campeonatos mundiais, sul-americanos e várias convocações. É um atleta em que confio muito, um camisa 10 autêntico, e espero que tenha muito sucesso aqui", disse o agora dirigente.

Sobre Cazares, que está em negociação para se transferir a um clube não divulgado, Gallo disse que o Atlético-MG recebeu uma proposta e já a aceitou, mas os contatos pararam de acontecer. Assim, ele poderá ser reintegrado ao elenco e voltar a ser aproveitado pelo técnico Thiago Larghi.

"Recebemos uma proposta, aceitamos e encaminhamos o contrato. Efetivamente, não está acontecendo do time realizar a assinatura deste contrato e nos devolver. Notificamos a equipe e aguardaremos até amanhã o desenrolar dessa situação. Se ela não acontecer, o Cazares será reintegrado ao elenco", disse Gallo.