• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Figueirense quebra longa invencibilidade do Vila Nova e entra no G4 da Série B

  • COMPARTILHE
Esportes

Figueirense quebra longa invencibilidade do Vila Nova e entra no G4 da Série B

O Figueirense quebrou uma invencibilidade de oito jogos do Vila Nova ao vencer o rival, nesta terça-feira, pelo placar de 2 a 1, em partida realizada no estádio Orlando Scarpelli, pela 17.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Além disso, entrou no G4, a zona de acesso.

Com o resultado, o clube catarinense reencontrou a vitória dentro de seu estádio, já que havia sido derrotado nos dois últimos jogos como mandante, contra Ponte Preta (2 a 0) e Oeste (2 a 1). Agora, soma 28 pontos, contra 27 do Vila Nova, que acabou saindo do G4.

O Figueirense apostou em uma marcação compacta no primeiro tempo e conseguiu anular os pontos fortes do Vila Nova. O clube goiano trocou muitos passes, mas sem conseguir a infiltração. As melhores chances foram em um chute com categoria de Mateus Anderson e em uma tentativa de fora da área de Alan Mineiro. As duas terminaram em defesa de Denis.

Sem correr perigo, o Figueirense foi mais efetivo e abriu o placar logo aos cinco minutos. Após cobrança de escanteio, Cleberson apareceu entre os zagueiros para cabecear para o fundo das redes.

Após ficar em vantagem, o time catarinense apostou nos contra-ataques e encaixou um belo lance para ampliar. Aos 29 minutos, Maikon Leite avançou com liberdade pelo lado direito de campo e cruzou na medida para Patrick. O volante, meio de cabeça e meio de ombro, deixou o seu.

O Vila Nova voltou pressionando e viu Reis desperdiçar uma oportunidade de diminuir da entrada da pequena área, mas ele chutou para fora. Já o Figueirense foi administrando o resultado e voltou a assustar aos 23 minutos. Ferrareis arriscou de longe e mandou na trave.

O jogo parecia controlado pelo clube catarinense até que aos 26 minutos o Vila Nova marcou o seu gol. Na cobrança de lateral de Hélder, Anderson Cavalo desviou, Reis deu um leve toque e Maguinho apareceu para diminuir.

Nos minutos finais, a partida ficou aberta, com os dois times se atirando ao ataque. Melhor para o clube catarinense, que segurou a vantagem e conquistou nova vitória na Série B.

Na próxima rodada, o Figueirense enfrenta o Paysandu na sexta-feira, às 21h30, no Estádio da Curuzu, em Belém. No sábado, às 19 horas, o Vila Nova visitará o Criciúma no Heriberto Hülse.

FICHA TÉCNICA

FIGUEIRENSE 2 X 1 VILA NOVA

FIGUEIRENSE - Denis; Diego Renan, Cleberson, Eduardo Bauermann e Henrique Trevisan; Zé Antônio, Patrick (Kauê), Gustavo Ferrareis e Renan Mota; Henan (André Luís) e Maikon Leite (Juninho). Técnico: Milton Cruz.

VILA NOVA - Mateus Pasinato; Maguinho, Naylhor, Diego Giaretta e Hélder; Moacir, Wellington Reis e Alan Mineiro; Mateus Anderson (Alex Henrique), Reis (Elias) e Ramon (Anderson Cavalo). Técnico: Hemerson Maria.

GOLS - Cleberson, aos cinco, e Patrick, aos 29 minutos do primeiro tempo. Maguinho, aos 26 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Antônio Moraes de Sousa (PI).

CARTÕES AMARELOS - Diego Renan e Henan (Figueirense); Naylhor (Vila Nova).

RENDA - R$ 46.960,00.

PÚBLICO - 2.227 torcedores.

LOCAL - Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC).