• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Mano exalta virada do Cruzeiro e torcida após pedir mais apoio: 'Foi brilhante'

Esportes

Mano exalta virada do Cruzeiro e torcida após pedir mais apoio: 'Foi brilhante'

O comandante acredita que o Cruzeiro poderia até ter goleado no clássico com o América pelas oportunidades ofensivas que desperdiçou, mas elogiou a atuação da sua equipe

O técnico Mano Menezes não escondeu a sua satisfação com a vitória do Cruzeiro sobre o América-MG, por 3 a 1, de virada, no Mineirão, na noite desta quinta-feira, quando também exaltou o papel dos torcedores do seu time no confronto válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Na última segunda-feira à noite, no mesmo estádio, os cruzeirenses empataram por 1 a 1 com o Atlético-PR e garantiram vaga nas quartas de final da Copa do Brasil, mas o treinador criticou um pouco o comportamento dos torcedores ao cobrar mais apoio, especialmente nos momentos mais complicados das partidas. Isso apesar do fato de que o confronto ter sido acompanhado por um público de 39.784 pagantes naquela ocasião.

"Hoje (quinta-feira) o torcedor foi brilhante. Não estávamos falando de número de torcedores. Na segunda, a presença foi brilhante. Hoje, quando levamos o gol, o torcedor chamou para ele o que é mais importante, chamou a equipe e empatamos rápido", enfatizou Mano Menezes, em entrevista coletiva.

O comandante acredita que o Cruzeiro poderia até ter goleado no clássico com o América pelas oportunidades ofensivas que desperdiçou, mas elogiou a atuação da sua equipe. "Com muito mérito e jogando bem, poderíamos ter feito um placar mais dilatado. Sei que temos possibilidade e necessidade de melhorar, com o nível de campeonato que estamos jogando. As coisas têm seu tempo. Todos os adversários tiveram dificuldades nessa volta de competição", analisou.

Já ao comentar a estreia do atacante Barcos, ocorrida nesta vitória que levou o time cruzeirense ao sexto lugar do Brasileirão, com 21 pontos, o treinador também aprovou o desempenho do jogador argentino, apesar de ele não ter marcado gol. "Quando a condição legal veio, e com o que havíamos conversado sobre as condições do Barcos, era melhor estrear hoje (quinta). Ele ainda está com menos carga de trabalho em relação à nossa realidade. Jogou bem, é experiente. A bola na área é muito familiar para ele", enfatizou.

O Cruzeiro agora vai iniciar a sua preparação para enfrentar o Atlético-PR, domingo, às 19 horas, no Mineirão, em um reencontro agora pela 14ª rodada do Brasileirão. Mano não terá para este duelo Henrique e Ariel Cabral, suspensos pelo terceiro cartão amarelo, fato que fez o técnico ressaltar a importância de a equipe mostrar sua força coletiva.

"Precisamos agregar, que é ganhar mais, como ganhamos Ariel e Robinho jogando muito bem. Esse é o caminho nesse momento. Estávamos com quatro volantes pendurados. Dois tomaram cartões hoje. No próximo teremos Bruno Silva, Lucas Silva e Romero (pendurados)", lembrou.