• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Renato comemora empate do Grêmio em Chapecó: 'Não perdemos 2 pontos, ganhamos um'

Esportes

Renato comemora empate do Grêmio em Chapecó: 'Não perdemos 2 pontos, ganhamos um'

O próximo confronto do time gremista é contra o Flamengo, nesta quarta-feira, em Porto Alegre, pela rodada de ida das quartas de final da Copa do Brasil

Com um time cheio de reservas, o Grêmio foi até Chapecó (SC) e conseguiu voltar para Porto Alegre com um empate por 1 a 1 na bagagem. O resultado pela 16.ª rodada do Campeonato Brasileiro não foi bom ao time em termos de classificação - está em quarto com 27 pontos, agora sete atrás do líder Flamengo -, mas deixou o técnico Renato Gaúcho satisfeito.

"Foi ótimo. Muito bom, usamos uma equipe alternativa, desentrosada e com vários garotos. Era um jogo difícil até mesmo pela situação da Chapecoense no campeonato (perto da zona de rebaixamento). A equipe fez uma boa partida, lutou e brigou o tempo todo. Não perdemos dois pontos, ganhamos um. O importante é pontuar fora de casa. Era uma equipe totalmente diferente e mesmo assim conseguimos um bom resultado", ressaltou Renato Gaúcho em entrevista coletiva.

Mais uma vez, o treinador gremista teve de explicar as razões de poupar titulares e utilizar jogadores reservas em uma partida do Brasileirão. Isso porque o time encara o Flamengo, nesta quarta-feira, em Porto Alegre, pela rodada de ida das quartas de final da Copa do Brasil. E no domingo enfrentará o mesmo rival, também em casa, pelo Nacional.

"Há dois anos que falo a mesma coisa. O jogador não é robô. De vez em quando, eles precisam descansar. Hoje (domingo) perdemos o (zagueiro) Bressan. Imagina se colocamos a equipe principal e perdemos dois ou três jogadores para quarta-feira. Não tem milagre. Vai seguir assim (revezamento). Jogar no Maracanã, contra o Sport, é mole. Sem deslocamento. Queria ver se o jogo fosse em Recife. Mas não tenho nada a ver com o Flamengo, eles fazem o que quiser", afirmou.

Sobre a procura por mais um zagueiro, Renato Gaúcho lembrou que não adianta contratar se o atleta não tiver qualidade. "Não podemos trazer qualquer zagueiro, tem que ser um bom que nos ajude. Perdemos o Bressan por umas três semanas. Mas não é por isso que precisamos contratar, já estávamos procurando. Mas tem que ser bom, não adianta trazer qualquer um", completou.