• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Spurs troca Kawhi Leonard por DeMar DeRozan com o Raptors na NBA

  • COMPARTILHE
Esportes

Spurs troca Kawhi Leonard por DeMar DeRozan com o Raptors na NBA

O mercado da NBA foi movimentado nesta quarta-feira por uma negociação que envolveu duas das principais estrelas da liga norte-americana de basquete. San Antonio Spurs e Toronto Raptor trocaram Kawhi Leonard por DeMar DeRozan. As tratativas já estavam ocorrendo há pelo menos duas semanas, com diversas discussões e simulações de pacotes de jogadores entre as franquias e agora se tornaram realidade.

MVP das Finais da NBA em 2014, ano em que também foi campeão, Kawhi Leonard deixa o Spurs após sete anos e não sai da melhor maneira. Ele acumulou lesões na última temporada, em que disputou apenas nove jogos, e teve problemas de relacionamento com membros da diretoria e da comissão técnica da equipe.

Leonard pode se tornar agente livre na próxima temporada, o que significa que não há garantia de ele permanecer em Toronto por muito tempo, tanto que já manifestou publicamente seu desejo de voltar à Califórnia.

Para ficar com Kawhi, o Raptors teve de abrir mão do seu principal jogador, DeRozan, que ficou nove anos na equipe de Toronto e também não sai pela porta da frente. O ala/armador, maior pontuador do Raptors nas últimas cinco temporadas, jogador com a maior pontuação em sua só partida pela franquia e o principal responsável por conduzir o time à liderança da Conferência Leste no último ano, mostrou insatisfação com o seu futuro.

Ele indicou que não gostaria de ter sido negociado com o San Antonio, mas como não tinha poder de veto em uma troca, teve de aceitar a transferência. "Fui informado de uma coisa, e o resultado foi outro. Não confie neles. Não há lealdade neste jogo. Te vendem rapidinho por um pouco de nada. Logo vocês ficarão sabendo. Não se preocupem", bradou o jogador em publicação no Instagram.

A troca ainda envolveu o veterano ala/armador Danny Green, cedido pelo Spurs ao time do Canadá, que, por sua vez, enviou o jovem pivô Jakob Poeltl e incluiu no acerto uma escolha protegida da primeira rodada do Draft de 2019 até a 20.ª posição.