• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Leicester leva goleada e se complica na briga por vaga na Liga dos Campeões

Esportes

Leicester leva goleada e se complica na briga por vaga na Liga dos Campeões

Campeão inglês na temporada 2015-2016, o time chegou a brigar pela liderança com o Liverpool nas primeiras rodadas

Estadão Conteúdo

Redação Folha Vitória
Foto: Reprodução / Instagram

Após fazer uma grande primeira metade do Campeonato Inglês, o Leicester City entrou numa fase difícil e, neste domingo, voltou a decepcionar os torcedores. Fora de casa, levou uma goleada de 4 a 1 para o Bournemouth, pela 35ª rodada. O tropeço coloca em risco a busca pela vaga na próxima edição da Liga dos Campeões.

Campeão inglês na temporada 2015-2016, o time chegou a brigar pela liderança com o Liverpool nas primeiras rodadas, porém agora soma apenas uma vitória nos últimos cinco jogos. Por consequência, estacionou nos 59 pontos, mas pode perder o quarto posto para o Manchester United, que soma 58 e enfrentará o Southampton na segunda-feira. No Inglês, somente os quatro primeiros colocados faturam a classificação para a Liga dos Campeões.

Já o Bournemouth deu um respiro de alívio neste domingo ao somar três pontos. Com 31, ainda está em situação difícil, na 18ª e antepenúltima posição, mas agora tem mais chances de escapar da zona de rebaixamento nas próximas rodadas. Faltam apenas três para o fim do campeonato.

Jogando fora de casa, o Leicester até saiu na frente neste domingo. Aos 23 minutos, Jamie Vardy mandou para as redes e aumentou sua vantagem na artilharia do Inglês, agora com 23 gols.

No entanto, o time visitante caiu de rendimento no segundo tempo, quando levou quatro gols. Junior Stanislas empatou, em cobrança de pênalti, aos 21. Apenas um minuto depois, Dominic Solanke virou o placar para os anfitriões.

Para piorar a situação do Leicester, Caglar Soyuncu levou o cartão vermelho direto e deixou os visitantes em desvantagem numérica em campo. O Bournemouth soube tirar vantagem da situação e chegou ao terceiro gol, com Jonny Evans, 38 minutos. Em seguida, Solanke marcou seu segundo gol na partida aos 42, selando a goleada.