Lesão tira Rodrigo Caio do São Paulo por até 8 meses

Esportes

Lesão tira Rodrigo Caio do São Paulo por até 8 meses

Redação Folha Vitória

São Paulo - O técnico Muricy Ramalho sofreu uma importante baixa para os próximos meses do São Paulo. Rodrigo Caio, que deixou o gramado com muitas dores no sábado, teve constatada nesta segunda-feira uma ruptura no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo que o deixará longe dos gramados por até oito meses.

A lesão foi verificada em exame de ressonância magnética nesta manhã depois que o jogador sofreu um choque contra um rival do Criciúma durante a partida de sábado, no Morumbi - jogo terminou empatado por 1 a 1. Ele foi substituído logo em seguida e deixou preocupado o departamento médico do clube.

Nesta segunda, os exames confirmaram as piores suspeitas. Por causa da ruptura, Rodrigo Caio precisará ser submetido a uma cirurgia no joelho, ainda sem data definida, e terá que ficar afastado do futebol por um período de seis a oito meses. Assim, o defensor não entrará mais em campo neste ano. E perderá também o início da próxima temporada.

Com a grave lesão, Muricy sofreu grande baixa por ter confiança no jovem jogador. Rodrigo Caio, de apenas 20 anos, vinha sendo um dos destaques da equipe desde o ano passado. Volante de origem, ele chamou a atenção por se adaptar rapidamente na função de zagueiro.

Destaque no São Paulo, o jogador ganhou espaço na base da seleção brasileira. E, neste ano, deu boa contribuição para a conquista do título do Torneio de Toulon, do qual foi eleito o melhor jogador.