• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Novo técnico do Chelsea, Conte enaltece Oscar: 'Bom jogador e com grande talento'

Esportes

Novo técnico do Chelsea, Conte enaltece Oscar: 'Bom jogador e com grande talento'

Autor de dois gols na vitória sobre o Milan por 3 a 1, um aos 25 minutos do segundo tempo, em cobrança de pênalti, e outro aos 42, Oscar foi o principal nome do amistoso

Embora não tenha cravado a permanência do meia brasileiro, Conte enalteceu suas qualidades e até justificou a temporada ruim de 2015/2016 Foto: Reprodução/Instagram

Londres - Depois de uma temporada com seguidas atuações inconstantes, o meia Oscar viu seu futuro no Chelsea tornar-se um ponto de interrogação, com inúmeras especulações sobre sua possível saída. A história do brasileiro no clube, porém, pode ter ganho um novo - e positivo - capítulo na noite desta quarta-feira.

Autor de dois gols na vitória sobre o Milan por 3 a 1, um aos 25 minutos do segundo tempo, em cobrança de pênalti, e outro aos 42, Oscar foi o principal nome do amistoso. E sua atuação não passou despercebida pelo novo técnico do Chelsea, o italiano Antonio Conte.

Embora não tenha cravado a permanência do meia brasileiro, Conte enalteceu suas qualidades e até justificou a temporada ruim de 2015/2016. "Oscar é bom jogador e com grande talento, que ainda pode evoluir muito. Vejo nele uma boa atitude e um bom futuro", elogiou o treinador.

"Oscar é um jogador importante e, na temporada em que o Chelsea foi campeão, ele teve um desempenho fantástico. Já a última foi ruim para todos os jogadores, não só para Oscar ou qualquer outro jogador. Para todos", acrescentou Conte, minimizando as atuações ruins do brasileiro.

Sobre a boa vitória contra o Milan, o treinador explicou que, embora fosse apenas um amistoso, ela pode ter sinalizado o futuro de alguns jogadores no clube. Fato que certamente pode favorecer o brasileiro. "Este jogo me disse muito sobre os jogadores que podem ficar ou serem negociados", completou.