Suspeita de bomba assusta no Rio, mas bolsa deixada em VLT tinha apenas roupas

Esportes

Suspeita de bomba assusta no Rio, mas bolsa deixada em VLT tinha apenas roupas

Redação Folha Vitória

Rio -

Uma bolsa cheia de tecidos e roupas, abandonada em uma composição na estação Santos Dumont, no Centro do Rio, foi o suficiente para paralisar o trânsito do VLT por cerca de duas horas nesta terça-feira. Policiais Federais do Esquadrão Antibombas foram acionados e isolaram o local. Depois de analisar com robôs o conteúdo da bolsa verde estilo "ecobag", com a imagem e legenda do Cristo Redentor, os agentes encontraram apenas tecido e roupas.

De acordo com a administração do VLT, seguranças do transporte verificaram que após o desembarque no aeroporto, um passageiro aparentemente esqueceu uma bolsa no veículo. Por volta das 10h50, a PF foi acionada e só terminou a operação por volta de 12h50. O serviço ate estação do Santos Dumont ficou interrompido durante todo este horário. Neste período, o VLT só funcionou da estação Antonio Carlos ate a Rodoviária.

Esta não foi a primeira vez que a suspeita de bomba assustou a organização da Olimpíada do Rio. No último sábado, uma rua próxima ao Maracanã chegou a ser parcialmente interditada depois da denúncia de uma cidadão, assustado com uma mala abandonada e piscando próxima ao estádio

Anteriormente, em outras duas oportunidades, nos dias 18 e 21 de julho, denúncias também foram recebidas pela polícia carioca. Mas, nestas ocasiões, o Esquadrão Antibombas concluiu que não havia qualquer ameaça.

Pontos moeda