Leclerc coloca Ferrari na frente no 1º dia de testes da Fórmula 1 na Hungria

Esportes

Leclerc coloca Ferrari na frente no 1º dia de testes da Fórmula 1 na Hungria

Redação Folha Vitória

Budapeste - Líder da temporada 2017 da Fórmula 2, o monegasco Charles Leclerc voltou a andar na frente nesta terça-feira, mas dessa vez no primeiro dos dois dias dos testes coletivos da Fórmula 1 no Hungaroring, circuito localizado nos arredores de Budapeste e que foi palco do GP da Hungria no último fim de semana.

Leclerc participou dos testes desta terça-feira pela Ferrari, equipe que o tem como um dos membros da sua academia de jovens pilotos. E já no final da sessão vespertina (no horário local), ele garantiu o primeiro lugar do dia ao cravar o tempo de 1min17s746 na melhor das suas 98 voltas no dia de treinos marcado pelas altas temperaturas no circuito húngaro.

Assim, superou o belga Stoffel Vandoorne, que até vinha na liderança e fechou o dia em segundo lugar pela McLaren, com uma desvantagem de apenas 0s088 para Leclerc, tendo marcado 1min17s834, sendo o último piloto a fazer uma volta em menos de 1min18.

O finlandês Valtteri Bottas, que fez testes específicos de pneus para a Pirelli, foi o terceiro colocado, seguido pelo britânico George Russell, piloto da GP3, que também treinou com um carro da Mercedes.

Substituto de Felipe Massa, que havia sido escalado para os testes, mas acabou sendo descartado por um mal-estar que o impediu de participar do GP da Hungria, o canadense Lance Stroll ficou na quinta posição, seguido do russo Nikita Mazepin, de apenas 18 anos e piloto de testes da Force India.

O canadense Nicholas Latifi, piloto de teste da Renault, foi o sétimo colocado, o indonésio Sean Gelael, que treinou pela Toro Rosso e compete na Fórmula 2, ficou na oitava posição, à frente do austríaco Lucas Auer , que compete na DTM e fez a sua estreia em um carro de Fórmula 1 pela Force India. E a relação dos dez melhores foi completada pelo norte-americano Santino Ferrucci, piloto de testes da Haas.

O holandês Max Verstappen, que perdeu quase toda a sessão matutina por causa de problemas no carro da Red Bull, fechou a terça-feira em um modesto 11º lugar, só a frente do sueco Gustav Malja, que compete na Fórmula 2 e testou pela primeira vez com um carro de Fórmula 1 pela Sauber.

Os testes no Hungaroring prosseguem nesta quarta-feira. E as atenções estarão todas voltadas para o polonês Robert Kubica, que terá a sua primeira experiência com um carro desta temporada da Fórmula 1.