• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Novamente sem Coutinho, Liverpool goleia o Arsenal com gol de Firmino

Esportes

Novamente sem Coutinho, Liverpool goleia o Arsenal com gol de Firmino

Liverpool - Enquanto a novela sobre Philippe Coutinho não é resolvida, o Liverpool mostrou neste domingo que pode sobreviver muito bem a uma possível saída do brasileiro. Novamente sem o meia, a equipe de Jürgen Klopp teve uma exibição de gala diante de sua torcida para atropelar o Arsenal por 4 a 0, pela terceira rodada do Campeonato Inglês.

Se pode perder Coutinho para o Barcelona - a justificativa para a ausência, porém, é um problema nas costas do jogador -, o Liverpool viu seu setor ofensivo viver dia inspirado neste domingo, mesmo sem aquele que talvez seja seu nome mais talentoso. Mané, Salah e Roberto Firmino tiveram atuações para serem lembradas e deixaram suas marcas. Sturridge, vindo do banco, selou o placar.

O resultado manteve o Liverpool invicto neste início de campanha, agora com sete pontos. Por causa da pausa na competição para a disputa das Eliminatórias, o time descansa até o dia 9 de setembro, quando visitará o Manchester City. Já o Arsenal sofreu sua segunda derrota, tem apenas três pontos e vai receber o Bournemouth também no dia 9.

Neste domingo, o Liverpool tratou de ser arrasador desde o início. Logo aos nove minutos, os donos da casa só não marcaram por um "milagre" de Petr Cech, que bloqueou finalização à queima-roupa de Salah, quase na pequena área.

Mas a chance desperdiçada não faria falta, porque somente sete minutos depois, Roberto Firmino abriria o placar. A marcação por pressão deu resultado, Gomez roubou a bola pela direita e tabelou com Emre Can antes de cruzar na cabeça do brasileiro, que finalizou para o chão, sem chances para Cech.

O gol embalou ainda mais o Liverpool, que passou a acumular oportunidades perdidas. Aos 18, Henderson recebeu sozinho de Firmino e finalizou por cima de Cech, mas sem direção. Aos 25, Salah tentou de fora, mas o goleiro do Arsenal fez ótima defesa.

Dominante, o time da casa chegou ao segundo gol ainda no primeiro tempo, e justamente quando o Arsenal começava a ganhar o campo de ataque. Em um contragolpe, Firmino encontrou Mané pela esquerda, o senegalês invadiu a área, cortou para o meio e acertou belo chute no canto esquerdo de Cech.

Se o contra-ataque já era utilizado pelo Liverpool no primeiro tempo, virou a tônica da partida no segundo. E foi assim que a equipe praticamente matou o jogo aos 11 minutos. Após escanteio do Arsenal pela direita, Bellerín, último homem, bobeou e perdeu para Salah. O egípcio usou sua velocidade para arrancar sozinho desde o campo de defesa. De frente para Cech, teve calma para deslocá-lo e marcar o terceiro.

O Arsenal estava entregue e quase sofreu o quarto aos 24, quando Mané recebeu sozinho na área e parou em Cech. Mas a goleada seria selada aos 32, em uma aula de contra-ataque que começou com Firmino ainda no campo de ataque, passou pelos pés de Can e chegou na esquerda para Salah. O egípcio levantou a cabeça e colocou a bola no ponto para Sturridge finalizar para a rede.

TOTTENHAM EMPATA - Com bem menos brilho que o Liverpool, o Tottenham recebeu o Burnley neste domingo em Wembley, não jogou bem e foi castigado com um empate por 1 a 1. Dele Alli abriu o placar para os donos da casa no início da etapa final, mas Chris Wood, já nos acréscimos, deixou tudo igual.

Com o resultado, ambas as equipes chegaram a quatro pontos. Na próxima rodada, dia 9 de setembro, o Tottenham viaja para visitar o Everton. No dia seguinte, o Burnley recebe o Crystal Palace.