Capixabas Elize Maia e Thâmela conquistam Circuito Mundial de Vôlei de Praia na República Tcheca

Esportes

Capixabas Elize Maia e Thâmela conquistam Circuito Mundial de Vôlei de Praia na República Tcheca

A dupla venceu as sete partidas que jogou, cedendo apenas dois sets em toda a competição

Foto: Divulgação/ Fivb

O esporte capixaba comemora um grande resultado neste domingo (22). A dupla Elize Maia e Thâmela, que treina nas praias do ES, derrotaram as suíças Böbner/Zoé Vergé-Dépré e conquistaram o Circuito Mundial de Vôlei de Praia, na República Tcheca.

A campanha de Elize e Thâmela nas praias europeias começou na disputa do "qualifying". A dupla venceu as sete partidas que jogou, cedendo apenas dois sets em toda a competição. 

Após avançar tranquilo na fase de grupos, neste domingo, elas começaram o dia vencendo um equilibrado duelo brasileiro. As capixabas superaram Andressa e Vitória no tie-break, de virada, com parciais de 15/21, 21/16 e 15/13. Na final, vitória por 2 sets a 0 (21/18 e 21/16) sobre a dupla da Suíça.

“Estou muito feliz por esse ouro. A gente veio do qualifying, e esse foi o quarto dia de torneio. A gente sabia que seria um jogo bem equilibrado, mas a nossa tática funcionou, e a nossa vontade de vencer fez diferença. Foi aqui em Praga que ganhei minha primeira medalha no Circuito Mundial, e estou feliz demais por continuar boas recordações daqui. E a história se repete para a minha parceira também, com a primeira medalha em Mundial adulto também aqui em Praga”, afirmou Elize Maia em entrevista à FIVB.

Este é o terceiro título e a sexta medalha de Elize Maia no Circuito Mundial. Para Thâmela, que completou 21 anos em julho, o lugar mais alto do pódio veio logo em sua primeira etapa da categoria adulta no circuito. Com a medalha de ouro, elas ganharam 400 pontos no ranking.

“A gente vem em uma crescente muito boa, e os resultados sempre são consequência disso. Estamos dando nosso melhor em quadra, e eu estou muito feliz de ter conseguido essa medalha no meu primeiro torneio no Circuito Mundial”, comemorou Thâmela.

BRONZE BRASILEIRO

Além da dupla capixaba, o Brasil também levou a medalha de bronze com Andressa e Vitória (PB/RJ). Na disputa pelo bronze, a dupla conquistou o lugar no pódio e 320 pontos no ranking com um triunfo por 2 sets a 0 (21/19 e 21/18) sobre Davidova/Lunina (UCR). 

Esta é a segunda medalha no Circuito Mundial para as duas, que haviam se enfrentado na final da etapa de Miguel Pereira (RJ) em 2019, com Andressa ficando com o título ao lado de Diana (RJ).

As duas duplas voltam a representar o Brasil na próxima semana, em uma nova etapa duas estrelas na República Tcheca. O palco dessa vez é a cidade de Brno, com o qualifying começando na quinta-feira (26.08), e o torneio principal iniciando na sexta (27).