Pressionado, Mourinho lembra que Chelsea é o campeão inglês e relaciona Oscar

Esportes

Pressionado, Mourinho lembra que Chelsea é o campeão inglês e relaciona Oscar

Redação Folha Vitória

Londres - Pressionado pelo péssimo início de campanha do Chelsea no Campeonato Inglês, com apenas quatro pontos somados em cinco rodadas, o técnico José Mourinho foi ao ataque nesta terça-feira, na véspera da estreia do time na Liga dos Campeões da Europa, em casa, diante do Maccabi Tel-Aviv. Ele defendeu o seu trabalho das cobranças, destacando que o clube londrino faturou o título nacional na última temporada.

"Nós sabemos o que somos. Nós somos campeões de Inglaterra", disse. "Nós começamos mal, mas não é por causa disso que alguém pode roubar o que somos. Ninguém pode roubar os nossos troféus ou nossa história. Algumas equipes têm que voltar anos para buscar bons resultados. Nós temos que voltar meses", completou.

Tentando se concentrar apenas no primeiro compromisso na Liga dos Campeões, Mourinho ressaltou a necessidade do Chelsea iniciar a sua participação no torneio continental com uma vitória.

"Agora vamos jogar uma nova competição. Há zero pontos para todos e eu sei que há dois anos perdemos o primeiro jogo em casa e na última temporada empatamos e tivemos que ganhar jogos na Alemanha e em Lisboa, por isso, se pudermos ganhar amanhã nos colocamos em uma posição melhor", afirmou.

Mourinho não adiantou a escalação do Chelsea, mas deve fazer mudanças no time. O treinador voltou a relacionar o meia brasileiro Oscar, que se recuperou de lesão, mas ainda não está nas suas melhores condições físicas. Além disso, o recém-contratado lateral-esquerdo Baba Rahman também foi selecionado pelo treinador, que não poderá contar com o atacante colombiano Radamel Falcao García, contundido.

"Eu sei exatamente a consequência das minhas decisões sobre a escalação, mas eu não posso me preocupar com o que as pessoas dizem ou escrevem", acrescentou o treinador do Chelsea.