• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Paysandu vence, tira Avaí do G4 e deixa zona de rebaixamento da Série B

  • COMPARTILHE
Esportes

Paysandu vence, tira Avaí do G4 e deixa zona de rebaixamento da Série B

A mudança de comando parece ter feito bem ao Paysandu. Na estreia do técnico João Brigatti, o time paraense venceu o Avaí por 2 a 1, nesta sexta-feira, em jogo válido pela 26.ª rodada, na Curuzu, em Belém. Com isso, encerrou um jejum de sete jogos sem vitórias e vai dormir fora da zona de rebaixamento.

Com o resultado, o Paysandu chegou aos 29 pontos e está temporariamente na 16.ª colocação. Para não voltar ao grupo da degola, precisa torcer contra Juventude e Brasil de Pelotas, que têm 28 pontos e jogam no sábado. O time catarinense, por sua vez, foi ultrapassado pelo Atlético-GO e saiu da zona de acesso, caindo para o quinto lugar, com 42 pontos.

Após ceder espaço ao Avaí nos primeiros minutos, o Paysandu se acertou e passou a dominar a partida, criando boas jogadas ofensivas. Os principais lances saíram do lado esquerdo, com boas jogadas do lateral Guilherme Santos, que deu trabalho para a defesa adversária.

Foi de um escanteio do lado direito, no entanto, que saiu o gol dos donos da casa. Aos 25 minutos, Maicon Silva cobrou aberto e Hugo Almeida veio de trás para mandar de primeira para dentro, com um chute cruzado e que quicou duas vezes no gramado. O Avaí também teve alguns bons momentos, mas o goleiro Renan Rocha estava esperto e não deixou a rede paraense balançar.

No segundo tempo, a partida ganhou um ritmo frenético. Logo aos oito minutos, o Avaí acertou uma bola no travessão com Renato. O Paysandu respondeu rápido e também criou boas oportunidades, mas deu espaço e viu os adversários empatarem aos 18 minutos, em chute de fora da área de Daniel Amorim, que havia acabado de entrar no lugar de Beltrán.

Depois do empate, o time paraense se lançou ao ataque e martelou até voltar à frente do placar. Então, aos 33 minutos, completou a missão quando Guilherme Santos cruzou na área em cobrança de falta e Perema cabeceou no ângulo direito de Aranha, que ainda tocou de leve na bola. Depois disso, se portou bem na defesa e segurou o resultado.

Os dois times voltam a campo às 16h30 do dia 15 (sábado). O Paysandu vai até Varginha encarar o Boa, no estádio do Melão, enquanto o Avaí visita o Criciúma no Heriberto Hülse, em duelo catarinense.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU 2 X 1 AVAÍ

PAYSANDU - Renan Rocha; Maicon Silva, Perema, Timbó (Edimar)e Guilherme Santos; Renato Augusto, Willyam (Felipe Guedes) e Nando Carandina; Thomaz (Magno), Mike e Hugo Almeida. Técnico: João Brigatti.

AVAÍ - Aranha; Airton, Marquinhos Silva (Pedro Castro) e Betão; Guga, Judson, André Moritz, Renato e Capa; Romulo (Gabriel Lima) e Beltrán (Daniel Amorim). Técnico: Geninho.

GOLS - Hugo Almeida, aos 25 minutos do primeiro tempo; Daniel Amorim, aos 18, e Perema, aos 33 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ).

CARTÕES AMARELOS - Guilherme Santos, Nando Carandina, Mike e Guilherme Santos (Paysandu); Airton, Judson e Pedro Castro (Avaí).

RENDA - R$ 68.910,00.

PÚBLICO - 4.256 pagantes (5.5506 total).

LOCAL - Estádio da Curuzu, em Belém (PA).