• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após 'noite vergonhosa', Fluminense desembarca no Rio com segurança reforçada

Esportes

Após 'noite vergonhosa', Fluminense desembarca no Rio com segurança reforçada

Cerca de 10 seguranças foram vistos no local, mas não houve a presença de torcedores no saguão

Foto: Reprodução / Instagram

Pouco mais de 12 horas depois da derrota por 3 a 0 para o Palmeiras, no estádio Allianz Parque, em São Paulo, em jogo atrasado da 16.ª rodada do Campeonato Brasileiro, em uma noite descrita pelo zagueiro e capitão Digão como "vergonhosa", a delegação do Fluminense desembarcou na manhã desta quarta no Rio de Janeiro preocupada com a própria segurança.

Por receio de protestos da torcida, o Fluminense, além de não divulgar o horário do desembarque, reforçou a segurança para a chegada da delegação no Aeroporto Internacional Tom Jobim, o Galeão, na zona norte do Rio de Janeiro. Cerca de 10 seguranças foram vistos no local, mas não houve a presença de torcedores no saguão.

Com a derrota, o Fluminense segue na zona de rebaixamento do Brasileiro. É o 17.º colocado com 15 pontos, três a menos que o Cruzeiro, o 16.º e primeiro fora da degola. O clube tricolor encerra o primeiro turno do Brasileirão neste domingo contra o Corinthians, em jogo levado para o estádio Mané Garrincha, em Brasília, após a venda de mando de campo.

Como o elenco recebeu folga geral nesta quarta-feira, alguns jogadores ficaram em São Paulo. Os atletas terão de se reapresentar para o treinamento desta quinta-feira, marcado para começar às 10 horas, no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro.

Para enfrentar o Corinthians, o técnico Oswaldo de Oliveira terá desfalques. Por conta do terceiro cartão amarelo recebido contra o Palmeiras, o volante Airton e o atacante Wellington Nem não poderão jogar em Brasília. Se Allan tiver condições de jogo - sente dores no pé - deverá voltar ao time titular no meio de campo - caso contrário, Yuri joga. Na frente, a tendência é que Marcos Paulo seja escalado.