• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após acusar o zagueiro adversário de racismo, TV espanhola flagra ofensa homofóbica de Neymar

Esportes

Após acusar o zagueiro adversário de racismo, TV espanhola flagra ofensa homofóbica de Neymar

Nas imagens checadas, não foram encontradas ainda nenhuma ofensa racista do zagueiro Álvaro Gonzáles ao brasileiro

Vitor Simões

Redação Folha Vitória
Foto: Site Oficial do PSG

O caso Neymar e Álvaro Gonzáles ainda está rendendo bastante repercussão na Europa após o brasileiro ter relatado possíveis ofensas raciais do zagueiro espanhol no clássico entre PSG e Olympique de Marseille no último domingo. No entanto, o caso parece ter ganhado uma reviravolta inesperada. De acordo com o Canal Gol, da Espanha, o atacante da Seleção Brasileira apelou para uma ofensa homofóbica contra o uruguaio.

Nas imagens que estão sendo checadas da discussão entre os jogadores, os meios de comunicação europeus estavam buscando as supostas ofensas raciais do zagueiro do Olympique de Marseille, denunciadas pelo camisa 10 à arbitragem da partida.

Mas nenhuma das câmeras que transmitiram a partida encontrou até agora alguma ofensa desse tipo sendo proferida ao atacante do Paris Saint-Germain. No entanto, a surpresa encontrada foi uma ofensa homofóbica do brasileiro feita ao espanhol, apontada pela leitura labial da discussão.

"Put... maricón", teria dito o brasileiro, que na tradução mais educada seria "Put... gay". A Comissão Disciplinar da Liga de Futebol Profissional da França analisará as imagens e dará seu veredito sobre os dois jogadores. A princípio, hoje. Mas o julgamento pode acontecer na próxima semana.

Neymar poderá ser punido até por sete partidas, por ter dado um soco na cabeça de Álvaro. Já o espanhol pode pegar até dez jogos, se ficar confirmada a ofensa racial. A ofensa homofóbica ainda será analisada e pode complicar ainda mais a vida do brasileiro.

*Com informações do portal R7