Atlético-GO leva virada do Santa Cruz e fica sem acesso

Esportes

Atlético-GO leva virada do Santa Cruz e fica sem acesso

Redação Folha Vitória

Goiânia - O Atlético-GO decepcionou seu torcedor e não conseguiu o acesso à elite do Campeonato Brasileiro. Na tarde deste sábado, o time goiano foi derrotado pelo Santa Cruz, por 3 a 2, de virada, em pleno Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO), pela

última rodada da Série B.

Com a derrota do Boa para o Icasa, por 3 a 2, o time goiano precisava apenas de suas forças para subir, mas acabou decepcionando ao sofrer a virada. Os dois times entraram na reta final da Série B com chances de conquistar o acesso,

principalmente, os goianos, que ainda tinham esperança de subir, mas precisavam contar com um tropeço do Boa diante o Icasa. Sendo assim, Atlético-GO e Santa Cruz terminaram na parte de cima da tabela, em sétimo com 59 e nono com 55, respectivamente.

Ainda carregando esperanças de retornar à elite do Brasileirão, o Atlético-GO começou fazendo pressão. Encurralado e desinteressado, o time pernambucano fez o que pôde para não ser vazado no começo da partida.

O incentivo dos torcedores na ida para os vestiários serviu de motivação para o Atlético-GO, pois logo no começo Junior Viçosa abriu o placar após passe de Kayke. O time goiano estava dentro do G4 com a vitória parcial. O atacante Léo Gamalho, no

entanto, resolveu mudar a história e comandar a virada do Santa Cruz em dois lances de oportunismo. Primeiro, aos oito minutos, após toque de Keno.

Aos 16 minutos, em outra boa trama do ataque pernambucano, o artilheiro apareceu para conferir. Na base da pressão, o Atlético-GO ainda conseguiu empatar com Josimar, aos 44 minutos, mas a derrota foi decretada em jogada individual de Emerson

Santos já nos acréscimos, aos 48 minutos.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO 2 X 3 SANTA CRUZ

ATLÉTICO-GO - Márcio; Jonas, Paulo Henrique, Adriano Alves e Diogo Goiano; Willian Arão (Josimar), Pedro Bambu, Jorginho e Thiago Primão (Diogo Campos); Kayke (André Luis) e Junior Viçosa. Técnico: Wagner Lopes.

SANTA CRUZ - Fred; Tony (Emerson Santos), Marllon, Renan Fonseca e Tiago Costa; Sandro Manoel, Bileu, Alberto (Memo) e Wescley; Keno (Flávio Caça-Rato) e Léo Gamalho. Técnico: Oliveira Canindé.

GOLS - Júnior Viçosa, aos 2, Léo Gamalho, aos 8 e 18, Josimar, aos 44, e Emerson Santos, aos 48 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Vinícius Furlan (SP).

CARTÕES AMARELOS - Pedro Bambu (Atlético-GO) e Sandro Manoel (Santa Cruz).

CARTÃO VERMELHO - Paulo Henrique (Atlético-GO).

RENDA - R$ 161.590,00.

PÚBLICO - 5.323 pagantes.

LOCAL - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).