Geuvânio diz não se preocupar com problemas de rivais

Esportes

Geuvânio diz não se preocupar com problemas de rivais

Redação Folha Vitória

Santos - O Santos não tem mais preocupações no Campeonato Brasileiro. Nas duas últimas rodadas, assim como já aconteceu diante de São Paulo, Atlético-PR e Cruzeiro, vai entrar em campo apenas para cumprir tabela. Do outro lado, porém, os adversários jogam a vida. O Botafogo será rebaixado se perder domingo, na Vila Belmiro, enquanto o Palmeiras pode cair se o Santos ganhar do Vitória, em Salvador, na última rodada.

O atacante Geuvânio, escalado para conceder entrevista coletiva nesta terça-feira, garante, porém, que o Santos não se preocupa com os problemas dos rivais. "A gente não escolhe quem vai rebaixar. Jogamos para ganhar, entramos para vencer, estamos lutando. Não deixamos de entrar com garra, então faremos isso sem ajudar ninguém", disse o jogador.

O garoto diz não nutrir rivalidade pelo Botafogo, 19 anos depois de o Santos se sentir prejudicado em uma final de Campeonato Brasileiro que marcou época. "Eu sou de 1992, não sei muito da história, mas isso não tem que levar em campo para levar motivação."

Nesta terça, Thiago Ribeiro, Geuvânio, David Braz, Leandro Damião e Mena se juntaram aos reservas do Santos em um rápido treino físico no campo do CT Rei Pelé. Depois, eles participaram do treino regenerativo dos titulares no CEPRAF.