Gilson Kleina 'esconde' Bahia que enfrenta o Palmeiras

Esportes

Gilson Kleina 'esconde' Bahia que enfrenta o Palmeiras

Redação Folha Vitória

Salvador - O técnico do Bahia, Gilson Kleina, adotou o mistério como arma para as últimas rodadas do Campeonato Brasileiro. Precisando somar pontos para tentar escapar da zona de rebaixamento, o treinador levou os jogadores para o centro de treinamento usado pela seleção da Croácia na Copa do Mundo, em Praia do Forte, a 80 quilômetros de Salvador, e fechou as atividades da semana para torcedores e imprensa.

Perguntado se preparava alguma surpresa para a partida contra o Palmeiras, neste domingo, às 20 horas, na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela 32.ª rodada, o técnico desconversou. "Surpresa vai ser o time voltar a ser competitivo", disse, sem confirmar a equipe que vai jogar.

Os atletas afirmam que a vitória é necessária para tentar tirar o time do grupo dos quatro últimos - com 31 pontos, o Bahia ocupa a 19.ª posição, três pontos atrás do rival Vitória, primeiro time fora da zona de rebaixamento, e um ponto à frente do Criciúma, o último colocado.

"Para a gente, jogando com o apoio da torcida, é vencer ou vencer", disse o lateral-direito Railan. "Daqui até o fim (do campeonato) vai ser uma guerra, uma final por jogo", argumentou o lateral-esquerdo Guilherme Santos.