Em duelo para cumprir tabela, Ceará fica no empate com o Paraná na Série B

Esportes

Em duelo para cumprir tabela, Ceará fica no empate com o Paraná na Série B

Redação Folha Vitória

Fortaleza - O Ceará, que investiu para brigar pelo acesso, despediu-se dos torcedores de forma melancólica na Série B. Diante de pouco mais de mil torcedores na Arena Castelão, que comporta mais de 60 mil lugares, o time cearense empatou com o Paraná, por 1 a 1, na noite deste sábado. O duelo foi válido pela penúltima rodada.

Sem chances de acesso ou rebaixamento, o Ceará vai para a última rodada na nona colocação, com 54 pontos. O time encerra a participação contra o Vasco, que ainda luta pelo acesso no próximo sábado, às 17h30, a princípio em São Januário.

Enquanto isso, o Paraná fará uma partida apenas para cumprir tabela contra o já rebaixado Tupi, na sexta-feira, às 19h15, no estádio Durival de Britto, em Curitiba (PR). Os paranaenses estão no 15.º lugar, com 41 pontos.

O primeiro tempo contou com um baixo nível técnico e poucas jogadas ofensivas. O principal lance de perigo foi criado pelo Ceará em jogada de bola parada. Após escanteio da esquerda, o atacante Rafael Costa desviou de cabeça e o goleiro Marcos fez uma linda defesa.

Na segunda etapa, o jogo seguiu lento, mas ao menos teve gols. O Paraná abriu o placar aos 18 minutos. O lateral Lucas Taylor foi lançado nas costas da defesa, invadiu a área pela direita e bateu cruzado, no canto direito do goleiro.

Os donos da casa chegaram ao empate graças a um pênalti. Aos 26 minutos, o atacante Bill desviou cruzamento e a bola bateu no braço do zagueiro Pitty na área. Na cobrança, aos 27 minutos, o próprio Bill mandou no ângulo direito do goleiro. Foi o 15.º gol do agora artilheiro isolado da Série B.

FICHA TÉCNICA:

CEARÁ 1 X 1 PARANÁ

CEARÁ - Éverson; Tiago Cametá, Ewerton Páscoa, Valdo e Eduardo; Richardson, Raul Silva (Robinho), Felipe Menezes (Ricardinho) e Wescley; Bill e Rafael Costa. Técnico: Sérgio Soares.

PARANÁ - Marcos (Hugo); Leandro Silva (Lucas Taylor), Pitty, João Paulo e Rafael Carioca; Jhony, Wellington Reis, Diego Tavares e Alesson (Núbio Flávio); Leandro Vilela e Yan Philippe. Técnico: Fernando Miguel.

GOLS - Lucas Taylor, aos 18, e Bill, aos 27 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Wagner Reway (MT).

CARTÃO AMARELO - Jhony (Paraná).

RENDA - R$ 6.970,00.

PÚBLICO - 1.075 pagantes (1.355 ao total).

LOCAL - Arena Castelão, em Fortaleza (CE).