Gabriel Jesus comemora empate com o Atlético-MG: 'Belo resultado'

Esportes

Gabriel Jesus comemora empate com o Atlético-MG: 'Belo resultado'

A 35ª rodada do Brasileiro terminou com o Palmeiras quatro pontos à frente do Santos, que derrotou o Vitória na Vila Belmiro. A equipe do técnico Cuca pode ser campeão na próxima rodada

Redação Folha Vitória
Foto: Cesar Greco/ Agência Palmeiras

Belo Horizonte - O empate em 1 a 1 com o Atlético-MG, na quinta-feira (17), em Belo Horizonte (MG), foi motivo para o Palmeiras comemorar. O autor do gol do time paulista, Gabriel Jesus disse na saída de campo no estádio Independência que o resultado foi favorável para manter a liderança no Campeonato Brasileiro, pois veio em uma partida difícil e que a atuação não foi a melhor possível.

"Foi um resultado muito importante. Sabemos que a gente pode render muito mais. O nosso futebol não apareceu. Poderíamos sair daqui com os três pontos. Fomos conscientes e conseguimos um belo empate aqui", comentou o atacante. Gabriel Jesus abriu o placar com gol aos 25 minutos do primeiro tempo. O Atlético-MG igualou aos 13 da etapa final, com Lucas Pratto.

A 35ª rodada do Brasileiro terminou com o Palmeiras quatro pontos à frente do Santos, que derrotou o Vitória na Vila Belmiro. A equipe do técnico Cuca pode ser campeão na próxima rodada, caso vença o Botafogo em casa e o Santos mais o Flamengo tropecem no domingo. A condição favorável anima Gabriel Jesus para as rodadas finais. "Estamos muito perto do título. Só depende da gente", comentou.

O gol em Belo Horizonte encerrou um jejum de mais de dois meses do atacante pelo clube. O último tento dele pelo Palmeiras foi contra o Flamengo, em setembro, situação que lhe causava incômodo. "Pressão para marcar sempre vai existir, porque o Palmeiras é grande. Quero fazer gol, ajudar a equipe, porque o grupo é sensacional", disse o jogador, que fez sacrifício para atuar. Dois dias antes ele tinha defendido a seleção brasileira em Lima, no Peru, em compromisso pelas Eliminatórias da Copa.

O Palmeiras retorna para São Paulo nesta sexta-feira, mas vai ficar concentrado em Atibaia (SP), como já tinha sido definido por Cuca anteriormente. Depois do Botafogo, no próximo domingo, o Palmeiras recebe a Chapecoense no fim de semana seguinte e na rodada final, enfrenta o Vitória, em Salvador.