Avaí vai até Belo Horizonte para quebrar série de derrotas na luta contra queda

Esportes

Avaí vai até Belo Horizonte para quebrar série de derrotas na luta contra queda

Redação Folha Vitória

Florianópolis - O Avaí precisa mais do que nunca de uma vitória para se manter vivo na luta contra a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Com três derrotas consecutivas, o time segue na vice-lanterna da competição e uma derrota o coloca com um pé na Série B de 2018. Jogando fora de casa, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, o time do técnico Claudinei Oliveira enfrenta o Cruzeiro às 19h30 desta quarta-feira, pela 35.ª rodada.

Com 35 pontos, o time catarinense está quatro atrás do Vitória, que é o primeiro clube fora do rebaixamento. Uma derrota em Minas Gerais deixará o Avaí em situação mais complicada, já que restarão três rodadas para o fim do campeonato - nove pontos em disputa. Depois do Cruzeiro, o clube catarinense tem pela frente Palmeiras, Atlético Paranaense e Santos.

Pedro Castro deve ser a única mudança do Avaí no time titular. O meia cumpriu suspensão pelo terceiro cartão amarelo na derrota por 1 a 0 para o Corinthians e agora volta a ficar à disposição de Claudinei Oliveira. Luanzinho, de apenas 17 anos, deve mais uma vez voltar para o banco de reservas. Apesar da velocidade, ele ainda é tratado com cautela em Florianópolis, até pela idade e o momento que o clube atravessa na competição.

Maicon, lateral-direito que já disputou Copa do Mundo com a seleção brasileira, aparece na outra ponta da história. Experiente, ele será mantido no time titular. "Nos colocamos nesta situação e agora cabe a nós tirarmos. Essas quatro partidas são decisões e enquanto houver possibilidades vamos lutar muito para deixar o Avaí na primeira divisão", disse o jogador no último treino antes de viajar para a capital mineira.