Em dia inspirado de goleiros, América-MG empata com Londrina e lidera a Série B

Esportes

Em dia inspirado de goleiros, América-MG empata com Londrina e lidera a Série B

Redação Folha Vitória

Londrina (PR) - Em dia inspirado dos dois goleiros do América-MG - João Ricardo e Fernando Leal -, o Londrina ficou para trás na briga pelo acesso à elite do futebol brasileiro ao ficar no empate sem gols neste sábado, em pleno estádio do Café, em Londrina (PR), pela 37.ª e penúltima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. A torcida da equipe paranaense aplaudiu o time após o apito final.

Com o resultado, o líder América-MG foi para 70 pontos e segue dependendo apenas de si para ficar com o título. Já o Londrina ficou na quinta colocação, com 59, e viu a série de quatro vitórias consecutivas acabar.

Na última rodada, o América-MG recebe o CRB no próximo sábado, às 17h30, no estádio Independência, em Belo Horizonte. Precisa ganhar para ser campeão sem depender do jogo entre Internacional e Guarani, em Porto Alegre. No mesmo dia e horário, o Londrina visita o Vila Nova no estádio Serra Dourada, em Goiânia.

Com o acesso garantido, o América-MG fez um primeiro tempo sonolento e contou com a sorte para não sair atrás do placar. O Londrina pressionou, mas quando não esbarrou no goleiro João Ricardo parou na trave. Aos 27 minutos, Carlos Henrique achou Artur dentro da área. O jovem atleta rodou em cima da marcação e chutou no poste. Na sobra, Lucas Ramon mandou nas redes pelo lado de fora.

João Ricardo apareceu na sequência. Germano cruzou para Carlos Henrique, que exigiu um milagre do goleiro do América-MG. Ele foi buscar a bola no canto esquerdo, rente à trave. Já o time mineiro ameaçou mais nas bolas alçadas dentro da área, mas sem muito eficaz. Em uma delas, Pará tentou surpreender César, porém errou o alvo.

No segundo tempo, o Londrina adiantou a marcação e foi com tudo para cima do adversário. Afinal, só uma vitória o deixaria com chances de acesso. Logo de cara, Artur tentou pegar o goleiro Fernando Leal, que entrou no lugar do lesionado João Ricardo, mas chutou nas mãos do camisa 12.

O técnico Cláudio Tencati, então, abriu mão da postura cautelosa e colocou o Londrina todo ao ataque. Marcinho e Safira entraram em campo e colocaram fogo na partida. Mas não era só João Ricardo que estava em um dia iluminado. Fernando Leal também brilhou e fez defesas milagrosas nas tentativas de Safira e Dirceu, este à queima-roupa.

O América-MG respondeu em uma jogada em velocidade pelo lado esquerdo de campo de Gerson Magrão. O lateral encheu o pé e acertou a trave. No lance seguinte, Artur foi lançado dentro da área e cabeceou para defesa de Fernando Leal. Na sobra, Carlos Henrique encheu o pé em cima do goleiro.

Com seis minutos de acréscimos, o Londrina foi para o tudo ou nada, mas não conseguiu vazar a meta americana. Na última tentativa, Dirceu aplicou um chapéu dentro da área e chutou caprichosamente para fora.

FICHA TÉCNICA

LONDRINA 0 x 0 AMÉRICA-MG

LONDRINA - César; Lucas Ramon, Dirceu, Edson Silva e Ayrton; Germano, Bidía (Marcinho) e Rômulo (Ricardinho); Carlos Henrique, Negueba (Alisson Safira) e Artur. Técnico: Cláudio Tencati.

AMÉRICA-MG - João Ricardo (Fernando Leal); Norberto, Roger, Rafael Lima e Pará; Juninho, Ernandes e Renan Oliveira (Gersão Magrão); Felipe Amorim (Willian); Bill e Luan. Técnico: Enderson Moreira.

CARTÕES AMARELOS - Não houve.

ÁRBITRO - Francisco Carlos do Nascimento (AL).

RENDA - R$ 112.762,00.

PÚBLICO - 6.913 pagantes.

LOCAL - Estádio do Café, em Londrina (PR).