• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chelsea bate o Porto, avança na Liga dos Campeões da Europa e ameniza crise

Esportes

Chelsea bate o Porto, avança na Liga dos Campeões da Europa e ameniza crise

Londres - Em crise por causa do péssimo rendimento no Campeonato Inglês, aliada à eliminação precoce na Copa da Liga Inglesa, o Chelsea pôde nesta quarta-feira amenizar um pouco a difícil situação na temporada com a classificação às oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa. Ela veio com a vitória sobre o Porto por 2 a 0, no estádio Stamford Bridge, em Londres, pela sexta e última rodada do Grupo G. A outra vaga ficou com o Dínamo de Kiev, que na Ucrânia bateu o eliminado Maccabi Tel-Aviv, de Israel, por 1 a 0.

A vitória em casa faz com que o Chelsea termine esta fase como líder da chave, com 13 pontos. Ao contrário do Campeonato Inglês, onde está apenas na 14.ª colocação, o time comandando pelo técnico português José Mourinho faz boa campanha na Liga dos Campeões - são quatro vitórias, um empate e uma derrota. Ao Porto, terceiro com 10 pontos, fica o consolo de disputar a Liga Europa.

O segundo lugar ficou com o Dínamo de Kiev, que chegou aos 11 pontos com o gol solitário de Denis Garmash, aos 16 minutos do primeiro tempo. O jogo no estádio Nacional de Kiev foi disputado sem torcida por causa de uma punição da Uefa ao clube ucraniano por racismo de seus torcedores.

No Stamford Bridge, o Chelsea se mostrou bem diferente do que joga em âmbito nacional. Jogando com raça e determinação - às vezes até demais como aconteceu com o atacante brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa em algumas jogadas -, o time inglês foi superior em campo e não deu chances para o Porto.

Tanto que o primeiro gol saiu rapidamente, com um pouco de sorte. Aos 12 minutos, Diego Costa surgiu livre na frente do goleiro Casillas e chutou colocado. O ex-arqueiro do Real Madrid espalmou para frente e a bola bateu no zagueiro Ivan Marcano. Ela foi em direção à meta e entrou o suficiente antes de Danilo tirar. O árbitro assistente que fica ao lado do gol confirmou o 1 a 0 para os ingleses.

Com a vantagem, o Chelsea se fechou um pouco e permitiu uma maior aproximação do Porto em sua área. Não levou qualquer susto e tentou aproveitar os contra-ataques. Aos 7 minutos do segundo tempo, um deles deu certo e o meia brasileiro William garantiu a vitória e a classificação do clube inglês.