• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chávez relembra Chapecoense com carinho: 'Foi meu 1º adversário pelo São Paulo'

Esportes

Chávez relembra Chapecoense com carinho: 'Foi meu 1º adversário pelo São Paulo'

São Paulo - O São Paulo se prepara para a última partida da temporada, diante do Santa Cruz, apesar do óbvio sentimento de tristeza após o acidente aéreo na Colômbia que vitimou 71 pessoas, incluindo a delegação da Chapecoense, na última terça-feira. Em declarações reproduzidas neste domingo pelo site oficial do clube do Morumbi, o atacante Chávez declarou se lembrar da equipe catarinense com muito carinho, pois foi o adversário em sua estreia pelo time tricolor.

"Após o que aconteceu nesta semana, com o acidente da Chapecoense, é difícil obviamente ter motivos para alguma alegria. E eu, particularmente, tenho muito respeito e um carinho especial pela Chapecoense, porque foi o meu primeiro adversário pelo São Paulo (no empate por 2 a 2, no Morumbi, no dia 31 de julho)", comentou.

No próximo final de semana, após brigar contra a zona de rebaixamento durante boa parte do Brasileirão, o São Paulo entra em campo contra o já rebaixado Santa Cruz ainda em busca de uma vaga na Copa Sul-Americana.

"Temos que seguir em frente porque o jogo contra o Santa Cruz nos reserva um objetivo: conquistar a vaga na Sul-Americana. Acredito que será um jogo duro, mas fundamental para a nossa equipe. Estamos tristes pelas notícias que chegaram da Colômbia com o acidente, mas não podemos deixar o campeonato de lado. Teremos que saber separar isso", disse.

A partida gera outra lembrança para Chávez, pois o atacante marcou dois gols na vitória diante do time pernambucano. "Os gols foram importantes porque isso ajudou no meu começo no clube. Foi um jogo marcante, e conquistei a confiança do torcedor. Claro que seria bom reviver isso de novo, principalmente para ajudar o São Paulo, mas acredito que o momento não seja para festejos", finalizou.

O São Paulo ocupa a 11.ª posição no Campeonato Brasileiro, com 49 pontos, e espera garantir uma vaga na competição continental. Classificam-se para a Sul-Americana do sétimo ao 12.º colocados no Brasileirão.