Futebol turco mantém programação de jogos após explosões matarem 38

Esportes

Futebol turco mantém programação de jogos após explosões matarem 38

Redação Folha Vitória

Istambul - Apesar da morte já confirmada de 38 pessoas em ocorrência de dois atentados simultâneos nos arredores do estádio do Besiktas, sábado, em Istambul, após uma partida do Campeonato Turco, a federação local optou por não cancelar a rodada da competição, mantendo os jogos previstos para este domingo e para a segunda-feira.

Em comunicado, a Federação Turca de Futebol condenou o ataque a anunciou que todos os jogos de todas as divisões terão um minuto de silêncio. As bandeiras deverão ficar a meio mastro e os estádios não poderão tocar músicas.

As explosões foram pouco depois de um jogo na Vodafone Arena. Entretanto, as autoridades acreditam que o alvo eram os policiais. A primeira explosão e maior ocorreu cerca de 1h30 após a equipe da casa vencer o Bursaspor por 2 a 1, pelo Campeonato Turco.

O Besiktas "condenou fortemente" o terrorismo e o ataque em comunicado publicado no seu site oficial. "A explosão foi onde geralmente saímos (do estádio). Fiquei sabendo quando já estava em casa jantando. Com nós jogadores nada aconteceu. Com as famílias também está tudo bem", disse, ao SporTV, o lateral-esquerdo Adriano, ex-Barcelona.

Dentre os mortos, de acordo com o governo da Turquia, estão 30 policiais, sete civis e uma pessoa não identificada. Mais de 150 pessoas saíram feridas, enquanto 13 foram presos. Até agora, ninguém assumiu a autoria do atentado, mas a principal suspeita, na Turquia, recai sobre militantes curdos.