Esportes

Neymar pega quatro jogos de suspensão por expulsão e está fora da Copa América

A CBF terá até este domingo para fazer a apelação, que será analisada pelo equatoriano Guillermo Saltos, de plantão para decidir questões disciplinares da Copa América.

Redação Folha Vitória
Atacante foi suspenso por quatro jogos, mesmo número de partidas que faltam se o Brasil chegar às finais Foto: Reprodução

Santiago - O atacante Neymar está fora da Copa América, que está sendo disputada no Chile. Ele foi suspenso por quatro jogos na tarde desta sexta-feira, em Santiago, por sua expulsão na partida entre Brasil e Colômbia, realizada na última quarta. No entanto, a CBF ainda vai tentar reverter a situação. A entidade vai entrar com recurso, pedindo a revisão da pena. A entidade ainda foi multada em US$ 10 mil.

A CBF terá até este domingo para fazer a apelação, mas deve agir o mais rapidamente possível. A apelação será analisada por uma única pessoa, o equatoriano Guillermo Saltos. Por ser uma competição rápida, ele está de plantão para decidir questões disciplinares da Copa América.

Na súmula, o árbitro chileno Enrique Osses narrou a confusão ao final do jogo, a partir da bola chutada em Armero por Neymar e também que o atacante, após ser expulso, o esperou na entrada do túnel para ofendê-lo. A defesa do brasileiro havia pedido a sua absolvição, alegando que ele foi hostilizado por adversários e até por um auxiliar da arbitragem. A defesa foi elaborada pelo diretor jurídico da CBF, Carlos Eugenio Lopes.

Apenas duas pessoas participaram da reunião: Adrian Leiza, representante do Uruguai, e Alberto Lozada, da Bolívia. O chileno Carlos Tapia preferiu não opinar pelo fato de a partida ter sido apitada pelo compatriota Enrique Osses. O brasileiro Caio César Rocha e o colombiano Orlando Morales também não participaram.

Pontos moeda