A jornada de Luan ClashWar até o sucesso com Free Fire

Games

A jornada de Luan ClashWar até o sucesso com Free Fire

Da transportadora para a mansão da Tropa GG, o produtor de conteúdo mostra como é possível vencer com os games

Rômulo Justen

Redação Folha Vitória
Foto: Luan ClashWar

Um dos grandes nomes da produção de conteúdo de Free Fire no YouTube, Luan ClashWar, de 29 anos, acumula oito milhões de inscritos e seus vídeos alcançam milhares de visualizações todos os dias. O que ninguém imagina, no entanto, é que o youtuber passou dez anos trabalhando em outro ramo e precisou abandonar o negócio da família para seguir seu sonho e ganhar dinheiro com games.

Foto: Luan ClashWar

Luan trabalhou até os 26 anos na empresa de transportes da família, em Florianópolis (SC), e era cotado para assumir toda a equipe em breve. Paralelamente, em 2015, ele abriu um canal no YouTube e começou a produzir conteúdo sobre Clash of Clans, seu jogo do coração.

O foco, segundo ele conta, era se divertir. Foi assim até 2017, quando decidiu mudar o conteúdo para outro jogo da mesma empresa: o Clash Royale, que deu origem ao seu nome usado até hoje. “Depois de um tempo percebi que o Royale era mais focado em ganhar dinheiro, e não em fazer atualizações para quem gosta de jogar. Isso acabou matando o game e tirando minha atenção”, declara o criador de conteúdo.

Luan ficou sem rumo, se dividindo entre vários outros jogos de celular e procurando algum que lhe despertasse aquele grande interesse em crescer na plataforma. Foi assim, entre um game e outro, que ele conheceu o Free Fire. “Percebi que era um game mais fácil de criar conteúdo diário e que a aceitação da comunidade era muito boa. Então, escolhi mudar para o FF, onde estou há quase quatro anos”, explica Luan.

Foto: Luan ClashWar

Começando a obter bons resultados na plataforma, Luan decidiu mudar sua profissão de vez e se assumir como produtor de conteúdo, deixando o negócio da família. “Minha saída foi bem complicada, já que eu era o braço direito do meu pai. Só depois de um tempo que eu consegui sair, mas ficou um clima ruim porque não queriam que eu deixasse a companhia", relembra.

Após sair da empresa, Luan investiu nos games e começou a realizar livestreams de Free Fire. Ele passou por várias plataformas: como StreamCraft, Nonolive e Nimo TV, até chegar à Booyah, na qual apresenta um canal com dois milhões de seguidores.

Tropa GG

O sucesso de Luan com o Free Fire o estimulou a fundar um time próprio para o jogo, batizando-o de Tropa GG. “A equipe surgiu com o objetivo principal de ajudar pessoas, porque as organizações sempre contratavam jogadores já conhecidos no cenário. Então começamos de uma maneira diferente, contratando pessoas desconhecidas”, comentou.

Foto: Luan ClashWar

Hoje, Luan tem destinado seus esforços para investir no desenvolvimento da Tropa GG. Ele alugou uma mansão no valor de sete milhões de reais para que os jogadores tenham acesso às condições adequadas para treinar e apresentar boas performances no campeonato.

A mansão tem seis andares, 13 banheiras, 11 quartos e até elevador. A ideia surgiu quando iniciamos o time, decidimos ter um mega quartel-general para que os jogadores tenham a melhor qualidade de vida possível e possam competir com um bom desempenho. A Tropa foi criada com esse intuito, mudar a vida das pessoas para melhor. E todos os jogadores que começaram o projeto conseguiram melhorar de vida”, conclui Luan.

Quer conhecer mais do Luan ClashWar? Acompanhe seu canal do YouTube, seu Instagram e assista a suas lives no BOOYAH!.

Pontos moeda