O mais potente console da Sony na história: o Playstation 5

Games

O mais potente console da Sony na história: o Playstation 5

Trazendo um novo joystick com feedback tátil, armazenamento super-rápido com SSD, resolução de 4K e taxa de atualização de 120Hz, o Playstation 5 é um verdadeiro monstro

Rômulo Justen

Redação Folha Vitória

Em novembro de 2020, após uma grande expectativa e espera (o console foi anunciado em outubro de 2018), a Sony lançou o seu console mais potente até então: o Playstation 5. 

Disponível em duas versões, digital e com leitor de discos, o console foi lançado com uma quantidade inferior a que se pretendia e com uma procura enorme pelos jogadores e fãs da marca.

Foto: Dilvulgação/Sony

Tendo como base o modelo de negócios do Playstation 4, a Sony resolveu continuar apostando na fórmula de sucesso: um console potente com grandes jogos exclusivos e ótimos títulos de empresas parceiras.

Apostando também em tecnologias já conhecidas, mas não aplicadas ainda nos videogames, o Playstation 5 traz como armazenamento principal o SSD, o que diminui consideravelmente o carregamento dos jogos e possibilita transições entre fases, ambientes, menus e gráficos mais arrojados para os novos jogos lançados para o console.

Dois modelos com poucas diferenças

O Playstation 5 foi lançado com dois modelos: o normal, que permite a reprodução de jogos em disco e a versão digital que aceita apenas jogos baixados pela loja online PSN (Playstation Network). 

Tirando a falta do leitor de discos na versão digital, ambos os consoles apresentam as mesmas especificações.

Foto: Dilvulgação/Sony

Um novo controle com gostinho de next-gen

O controle do Playstation 5 é inovador: batizado de DualSense, o joystick é um pouco maior que o seu antecessor (o Dualshock 4 do Playstation 4), porém com uma pegada mais ergonômica e confortável. É o joystick que mais se diferencia dos anteriores abandonando então o nome DualShock.

A grande diferença do DualSense, e que o torna um verdadeiro joystick next-gen, são seus gatilhos com feedback háptico: ao encontrar determinadas situações no jogo, os controles farão “força” contrária, passando diferentes níveis de resistência dependendo das ações do jogador e do ambiente no jogo.

Foto: Dilvulgação/Sony
Joystick DualSense

Como exemplo, tente atirar uma flecha com um arco em um jogo e quanto maior a tensão for colocada, mais o gatilho adaptativo resistirá.

Esse tipo de sensação só existia em controles do tipo volante e mesmo assim somente nos de boa qualidade. Os pedais e o próprio volante ficavam mais pesados ou mais leves, dependendo do veículo sendo dirigido e das condições da pista no jogo.

O controle ainda traz um microfone, um speaker e também uma entrada para fone de ouvido ou headset.

SSD

Com um SSD customizado de 825GB (com 667GB disponíveis para o jogador) e velocidade de 5,5GB/s, o Playstation 5 conta com um sistema de armazenamento rápido e eficiente. Os desenvolvedores podem aproveitar para jogos maiores e com mais quantidade de objetos, níveis e detalhes acontecendo ao mesmo tempo na tela.

O tempo de carregamento dos jogos também melhoraram muito, com alguns carregando quase que instantaneamente, sem tela de loading ou espera. Por exemplo, o jogo Spider-man: Miles Morales no PS4 (Playstation 4) leva 1 minuto e 27 segundos para carregar, já no Playstation 5 o “loading” cai para apenas 17 segundos.

Resolução, áudio e outras features

Prometendo resolução máxima de 8K e com jogos em 4K com taxa de atualização de 120Hz, o Playstation 5 promete os jogos mais bonitos vistos até hoje, com melhorias em texturas, reflexos e com carregamento mais rápido.

Jogos já estão utilizando a tecnologia Ray Tracing, melhorando muito e dando efeitos realistas de reflexo e luzes para os ambientes dos jogos, como por exemplo a expansão do jogo Spiderman: Miles Morales, que utiliza muito bem estas novas tecnologias.

Especificações (ambas versões)

CPU: AMD Zen 2 com 16 threads de frequência variável podendo atingir 3,5GHz

GPU: AMD Oberon com 2304 núcleos de frequência variável podendo atingir 2,2GHz

Memória auxiliar: 512MB DDR4 para uso do sistema.

Potência computacional: Variável, podendo atingir 10 teraflops

Arquitetura: AMD RDNA Customizada

Memória: 16GB GDDR6 @ 1750MHz

Barramento de Dados: 256Bits

Capacidade de transferência da memória: 448GB/s

Memória de vídeo: Compartilhada com a memória principal

Armazenamento interno: SSD 825GB com velocidade de até 5,5GB/s

Saída de vídeo : 4K 120Hz e até 8K VRR

Som 3D: Tempest Engine