Família na vida escolar dos alunos: como se fazer presente de forma natural?

Família na vida escolar
Compartilhe esta notícia

A participação da família na vida escolar do aluno é muito importante, pois isso traz segurança e confiança para que o estudante se desenvolva no processo de aprendizagem. Quando os pais estão presentes na educação dos filhos, eles conseguem perceber mais rapidamente as dificuldades e procurar auxílio, por exemplo.

Além disso, quando a criança percebe que os pais se interessam por seus estudos, ela se sente mais valorizada, melhorando sua autoestima e motivação para as atividades escolares.

Como a participação da família na vida escolar ajuda no rendimento das crianças?

Antes de entrar na escola, as crianças têm experiências limitadas com seus pais e familiares. Portanto, iniciar a vida acadêmica significa o estabelecimento de novas relações. Mas, se por um lado essa novidade traz entusiasmo e curiosidade, por outro, pode gerar timidez e insegurança para encarar novos desafios. Assim, é importante que pais, irmãos e avós ofereçam apoio para a criança durante toda a vida escolar.

Também é importante que processo de aprendizagem se torne algo natural e fluido. Portanto, não deve existir divisões rígidas entre o ambiente escolar e a casa do aluno, afinal, o objetivo é que o estudante sempre seja estimulado ao aprendizado, independentemente do ambiente.

Por fim, quando a família se faz presente na vida escolar, há uma diminuição dos problemas com indisciplina e socialização. Além disso, é importante que os pais ajudem a criança a perceber a escola de maneira holística. O aluno precisa ter a percepção que a escola tem propósitos maiores do que apenas ensinar o aluno a ler e escrever. Esse espaço também é feito para construir relações, trocar experiências e agregar conhecimento de formas variadas.

Como fazer parte da rotina de forma natural?

A participação na vida do aluno deve acontecer de forma natural e contínua. Ou seja, não adianta cobrar e questionar apenas quando as notas estão baixas ou há algum problema. Organize essa rotina desde o início do ano letivo e vá adaptando às mudanças conforme o passar dos meses. Confira as dicas.

Converse sobre a rotina escolar com seu filho

A participação da família na vida escolar do aluno é fundamental para que o seu filho se torne mais responsável e consciente. Não existe nada mais desgastante do que ter que mandar, diariamente, o seu filho estudar e fazer dever, não é mesmo?

Veja mais conteúdos sobre educação e tecnologia no EducaTech.

Por isso, ao conversar com o estudante sobre a sua rotina escolar, ele conseguirá verbalizar e expor desafios e você conseguirá ajudá-lo naquilo que ele mais sente dificuldade. Aos poucos, ele ficará mais maduro e esse processo de aprendizagem ocorrerá de forma natural.
Ajude com as tarefas de casa

É importante que os pais ajudem com as tarefas de casa, mas, sobretudo, incentivem a responsabilidade e autonomia. Dessa maneira, essa ajuda tem que vir como um apoio extra para que a criança tenha consciência de que é ela a responsável pela organização e entrega das tarefas e atividades dentro do prazo.

Compareça aos eventos e reuniões escolares

Ainda é cultural no Brasil que os pais frequentem a escola apenas quando os filhos são problemáticos. Contudo, já há uma mudança de comportamento quanto a isso em algumas escolas. Portanto, é fundamental que a instituição estimule esse contato e os pais se esforcem para fazer parte da vida escolar do filho.

Se essas ações não forem priorizadas, você pode descobrir tarde demais — quando o seu filho ficar de recuperação ou repetir de ano — que ele tem problema de indisciplina ou dificuldade em alguma matéria.

Assim, podemos perceber como a presença da família na escola é fundamental para o desenvolvimento do aluno. Por esses motivos a participação da família na vida escolar é tão importante.

Veja mais conteúdos sobre educação e tecnologia no EducaTech.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *