Protagonismo – Já declarou sua independência?

Sabe que habilidade em comum as pessoas independentes possuem? Elas são protagonistas em suas vidas.

Ser protagonista é aceitar que somos responsáveis por grande parte das situações que vivenciamos em casa, no trabalho, no âmbito social. Sendo os únicos capazes de alterar o resultado da maior parte do que nos ocorre.

Todos nós temos modelos mentais que interferem na forma como reagimos a determinadas situações impostas pelo meio externo. A postura de protagonista nos ajuda a perceber qual é nossa responsabilidade diante disso para construir respostas que possam auxiliar a termos resultados ainda mais satisfatórios.

A ideia de assumir o papel neste caso não é fomentar o sentimento de culpa. A ideia é entender que aspectos podem ser alterados, enumerar as ações e construir soluções mais assertivas alinhadas com o que de fato é importante para você.

Vou compartilhar algumas perguntas que costumo me fazer e que me ajudam quando estou diante de situações que me incomodam.

Comece com alguns questionamentos:

– Qual é exatamente o meu problema? (centrado na pessoa não dos demais)

– O que eu gostaria de ter no lugar disso?

– Porque conseguir isso é importante para mim?

– O que está acontecendo agora que é diferente do que eu quero/desejo?

– O que já tentei/ experimentei para mudar essa situação?

Pausa para observação: Se já deu certo, retome modelo. Se não deu certo, veja onde falhou e retome com os ajustes necessários.

– O que você eu poderia fazer de diferente? – Use a criatividade e avalie caminhos realistas e viáveis.

– Como saberei que está dando certo? – Crie pequenas metas, para saber se está no caminho.

– Desenho da sequência de ações. Passo 1,2,3…com tempo estimado para cada passo.

Agora observe seu plano e considere que fazendo tudo isso irá alcançar o que deseja. Avalie se está congruente com seus valores pessoais e que respeita o espaço de pessoas importantes para você. Com o tempo perceberá que está mais perto dos seus objetivos.

De fato, não existe maior independência que poder viver a vida que acreditamos ser mais adequada para nós. Não se preocupe com o tempo que isso ir demandar, pois o tempo vai passar de qualquer forma.

Assuma o papel de protagonista em sua vida e declare a sua independência!

2 Respostas para “Protagonismo – Já declarou sua independência?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *