Um espaço para pensar e aprender

Orlando BolsaneloMuitos entre nós são acostumados a dedicar suas horas de leitura e estudo para atividades inerentes ao próprio âmbito profissional. Após concluir a graduação, tentamos rapidamente nos qualificar para termos mais opção no mercado de trabalho ou para ganhar respeito dentro da empresa na qual trabalhamos, seja ela familiar ou não. Partimos logo para um curso de pós-graduação, latu ou stricto sensu, ou ainda corremos atrás de certificações, entre outras coisas.

No entanto, nesse meio tempo, ou até mesmo depois de concluir essa etapa de capacitação, o novo profissional, agora muito bem qualificado, não pode limitar a sua atuação aos muros da empresa em que trabalha, e muito menos se privar de uma interação com a sociedade a qual está inserido. A participação também não pode ser limitada somente ao mundo dos negócios e as instituições e movimentos meramente setoriais.

O mundo precisa de novas ideias, novas referências e novos líderes atuantes que façam frutificar o pensamento e ações positivas sobre os grandes temas da sociedade e que substituam ou minimizem o ranço ideológico e atrasado que contaminam os debates atuais.

É preciso romper com a cultura do atraso e para isso é necessário criar ou fortalecer ambientes que proporcionem e incentivem a formação de novas lideranças com pensamento muito além de seus próprios negócios, baseadas na liberdade de pensamento e expressão e com respeito à democracia e à propriedade privada

Neste contexto e com esta proposta que surgiram pelo país bons exemplos de instituições que se ocupam em contribuir na formação de uma nova elite intelectual mais engajada e preparada para transformar positivamente a sociedade.

Aqui no Espírito Santo um bom exemplo é o Instituto Líderes do Amanhã, uma entidade que buscou referência em instituições já existentes, principalmente no Instituto de Estudos Empresariais – IEE – em Porto Alegre/RS.

O Líderes do Amanhã foi criado em Vitória em parceria com o Espírito Santo em Ação. É formado por jovens empresários e executivos, que tem como objetivo maior a formação intelectual, política e econômica de líderes com base em valores bem definidos, como a meritocracia, a responsabilidade individual, a liberdade de expressão, entre outros.

Às vésperas de completar três anos de existência, o Instituto Líderes do Amanhã se consolidou como um ambiente para o debate de ideias, ou ainda mais, como um espaço para pensar e aprender. Temas que vão desde a descriminalização ou não de drogas consideradas ilícitas à análise de possíveis soluções para o problema da educação do país, entre diversos outros, são debatidos entre os associados em eventos semanais, permitindo que o novo profissional forme a sua própria opinião e tenha fundamentos para defendê-la.

Seja por meio de palestras com empresários, autoridades e estudiosos, ou por meio de estudo de livros e júris simulados, o Instituto Líderes do Amanhã acaba por perseguir a criação de soluções modernas e sustentáveis para problemas antigos e crônicos, soluções estas que passam pelo entendimento e questionamento do real papel do Estado para a construção e manutenção da sociedade.

Orlando Bolsanelo Caliman, presidente do Instituto Líderes do Amanhã

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *