8 Materiais mais usados para fazer artesanato

Seja como fonte de renda ou como uma gostosa terapia, o artesanato brasileiro, conhecido por ser um dos mais ricos do mundo, vem ganhando cada vez mais adeptos com a pandemia.

O tempo ocioso do isolamento social levou muitas pessoas a soltarem a criatividade e o artesanato se tornou como um escape em tempos de quarentena. Artesãos experientes e iniciantes garantem que a prática, além de muito prazerosa, alivia o estresse, distrai e diminui consideravelmente os níveis de ansiedade.

Com as técnicas de arte cada vez mais aprimoradas e valorizadas é possível criar objetos úteis, decorativos, artísticos e personalizados. É a construção do passo a passo que faz do resultado final o grande o estímulo para se aventurar em produtos cada vez mais elaborados.

Indo de encontro com a criatividade, a tendência DIY (do it yourself – faça você mesmo) fez com que as pesquisas na internet tornassem mais frequentes. Embora algumas pessoas tenham medo de desenvolver a atividade, por achar que não tem talento, a ampla variedade de tutoriais está aí para quebrar essa barreira.

E engana-se quem pensa que é preciso muito para começar. Veja quais são os 8 materiais mais usados para fazer artesanato. Itens simples, mas fundamentais para ter em casa!

  • Cola 

A cola é basicamente o elemento que não pode faltar! Afinal, é a responsável por fixar um material a outro. As mais comuns são: cola líquida (branca e/ou isopor) e cola bastão. 

Vale a pena ter em casa também uma pistola de cola quente, em spray e para madeira. Assim você amplia o número de artesanatos que pode fazer sem sair de casa. Embora sejam menos comuns entre iniciantes, a cola epóxi também é um ótimo recurso!

  • Tesoura

Assim como o material que acabamos de falar, a tesoura é outra peça fundamental para fazer artesanato. Com ela podemos aprontar variados tipos de corte e furos.  É interessante contar com tesouras de diferentes tamanhos.

As pequenas servem para os trabalhos mais finos, que requerem um acabamento mais preciso. Da mesma forma, as tesouras maiores e aquelas com lâminas em formatos diferentes são perfeitas para o trabalho.

  • Estilete

Apesar de ter a tesoura, o estilete é uma ferramenta indispensável para cortar materiais específicos. Rendendo cortes bem-acabados. 

O instrumento pode ser usado para trabalhar com papelão, por exemplo. Mas é bom evitá-lo em lãs e feltros. Já que são itens frágeis. Caso contrário podem desfiar, estragando o acabamento.

  • Régua ou fita métrica

Tanto a régua como a fita métrica aparecem entre os materiais mais usados para serviços manuais. São as ferramentas para tirar medidas. Quando ignoradas, o resultado final não fica nada bonito, com peças tortas e tamanhos desproporcionais.

O mais legal é que são itens bem baratinhos e não vão pesar em nada no orçamento. Então, não esqueça de comprar um instrumento de medida.

  • Tipos de tecido

Ter alguns retalhos e diversos tipos de tecido pode ajudar na hora de fazer artesanato. Pela versatilidade que o material oferece na construção de peças. 

Pode ser útil para desenvolver itens de proteção, como revestimentos, ou para produzir tiaras para bebê. Enfim, são apenas exemplos de como o tecido é multifuncional.

  • MDF

Cada vez mais comum, o artesanato em MDF traz sua sutileza em caixinhas, objetos decorativos e peças únicas. Comprar MDF diretamente na fábrica é mais vantajoso se tratando de reduzir gastos.

No entanto, é um material rústico, pra lá de especial para aumentar o nível dos artesanatos elaborados. Para trabalhar com MDF, é necessário contar ainda com outros utensílios. Como lixa, pincel comum, verniz, jornal velho ou papelão e tintas em diversas colorações. 

  • Papelão

Por ser um material bem habitual de se ver em casa, o papelão traz ótimas ideias. Além de contribuir para o desenvolvimento do artesanato, é peça-chave para dar sustentação em algumas estruturas.

Fora que ajuda na criação de moldes por ser fácil de executar traçados nesta superfície. Um dos itens mais usados sem dúvida.

  • Canetas

As canetinhas esferográficas são ótimas companheiras para práticas artesanais. Muito efetivas para riscar em superfícies claras e escuras. Para isso, é bom contar com a caneta de tinta azul, tinta preta e branca. Ou ainda canetinhas coloridas. 

A caneta permanente ajuda na construção de desenhos, e é efetiva para fazer os contornos, criando formas. Assim como tesoura e pistola de cola quente, é o tipo de ferramenta ideal para o kit de artesanato.

E aí, gostou da ideia de começar a praticar artesanato? Deixe aqui seu comentário!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *