Estopinha, o pincher preferido dos capixabas

Estopinha capixaba

Em fevereiro, o Folha Vitória apresentou a história de Estopinha, o pet capixaba que começou a bombar na internet naquele mês. Em meio à greve da PM, que deixou os moradores do estado presos em casa, a página foi criada pelo dono do pet (conheça aqui), o professor de geografia e morador de Cariacica Ozeias Guimarães, para trazer um pouco de alegria aos amigos e quem mais chegasse até a página. O sucesso foi instantâneo, com mais de 6 mil seguidores alcançados em apenas duas semanas. Hoje, a página já ultrapassou a marca de 8 mil likes. Mas ficam as perguntas: por onde anda Estopinha? Como vive? O que tem feito?

Estopinha mora com a avó, o avô, o papai Ozeias e o irmão Catatau, que chegou junto com ele na família, depois de terem sido desmamados forçadamente pela mãe (a pincher gerou três filhotes e alimentou somente uma, a fêmea). No início, os irmãos precisaram de atenção especial, mas cresceram fortes e saudáveis, com todas as características de um pincher: miudinhos, espoletas e estressados como só eles. Ozeias conta que não é difícil vê-los nervosos. “Quase tudo é motivo de stress: tocar em suas vasilhas, pegá-los no colo e colocá-los de barriga pra cima, o carteiro, os prestadores de serviço que entram em casa… Qualquer pessoa estranha que se aproxime do papai deles pode ser fatalmente atacada”, brinca o dono, já que aqueles dentinhos pequenos na verdade não machucam ninguém.

Mas será que só de crises nervosinhas tem vivido o catioro? Não! Há várias atividades que divertem e desestressam Estopinha e Catatau. Eles adoram carinho, passeios, viagens e fazem até trilha (já chegaram ao Morro do Moreno)!

Estopinha na web

Com relação ao sucesso da página no Facebook, os fãs de Estopinha estão até nos Estados Unidos, Portugal e Inglaterra – acredita que tem gente querendo que ele visite a Europa só para conhecerem o pincher? Ozeias acredita que o sucesso se dá pela espontaneidade de Estopinha e o humor contido nos conteúdos, especialmente na voz que o papai faz para se comunicar com eles (e quem não faz?). Recentemente, o dono teve uma ideia criativa para movimentar a página. “Estopinha já foi ‘detido’ por matar uma borboletinha indefesa, mas ganhou alvará por ter residência fixa e não ter antecedentes. Na ‘prisão’, fez amigos e tinha um celular para ir atualizando os amiguinhos dos feitos, como banho de sol e o dia da audiência, quando a juíza negou a liberdade provisória dele”. O resultado ficou super engraçado e pode ser conferido na página.


O principal objetivo tem sido cumprido: trazer alegria para as pessoas que amam pets. É uma delícia acompanhar a vida do Estopinha Capixaba!

4 Respostas para “Estopinha, o pincher preferido dos capixabas

  1. Não conheço pessoalmente Escolinha e Catatau, mas são uma figura. Conheço o dono, sempre estamos viajando juntos. Pessoa fina tá aí. Eu me acabo com eles , os pés tenho dois também um Pinch e um pudoou foi. Amo esses bichinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *