Convivência entre cães e gatos: como harmonizar?

convivência entre cachorros e gatos

Nem todo mundo consegue escolher entre ter um cachorro ou um gato. E engana-se quem considera que manter os dois no mesmo ambiente é uma tarefa impossível. Apesar de espécies com comportamento bem diferente, é possível harmonizar a vida e unir seus pets para que se tenha uma boa convivência entre cães e gatos.

 

O encontro entre os dois

Se você já tem um bichinho e está pensando em adotar outro, seja um gato ou um cachorro, é bom saber que o animal que já está em casa tem certa preferência ao recém-chegado. Por isso, ao introduzir o novo animal, é importante que essa interação não seja forçada. Dê tempo a eles para se conhecerem quando se sentirem à vontade.

Animais bem alimentados e cansados tendem a ter menos instintos de caça, o que pode ser um diferencial na hora de apresentá-los. Manter as unhas do gato aparadas também pode evitar que alguém se machuque caso o primeiro encontro não seja como esperado.

Se a primeira interação parecer positiva, ambos se cheirarem com calma, tente premiá-los com brinquedos e guloseimas. E caso aconteça o contrário, é preciso ser firme e se posicionar na hora de separá-los, deixando claro que aquele tipo de comportamento é errado.

 

Mantendo espaços

Em seus instintos naturais, os cães são animais mais predominantes e caçadores. Por sua origem das matilhas, estão acima dos gatos na hierarquia animal, sendo o mais provável que possuam características dominantes. Gatos também são territorialistas, mas diferente dos cachorros, são solitários e procuram pelo espaço sozinho.

Pode parecer difícil de conciliar, mas o ideal é que cada um tenha o seu espaço, sem que um invada o do outro. Por isso, suas camas, vasilhas de água, comida e brinquedos devem estar bem separados, cada um com o seu. É importante não deixar que um utilize o do outro. Isso pode gerar problemas, principalmente no começo.

 

Estimular o convívio

Assim como cada um precisa ter seu espaço, também pode-se criar um espaço ou hora para a interação dos dois. Seja na sala ou no quintal, levar ambos para brincar juntos, com atenção igual aos dois, pode fortalecer os laços dos animais.

 

Confira também como adaptar filhotes na nova casa e como introduzir um novo gato em casa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *