DICA DO DIA (Nº 329): A FAMÍLIA

ASCENDENTE/DESCENDENTE. Não se nega que existe uma confusão no emprego das palavras “ascendente” e “descendente”. Como a palavra “ascendência” vem de “ascender” (subir), seus pais, seus avós e seus bisavós, leitor, são seus “ascendentes”. E como descendência vem de “descender” (descer), seus filhos (ou futuros filhos) e seus netos (ou futuros netos), leitor, são (ou serão) seus descendentes.

PROGENITOR(A). Quem são os progenitores? Geralmente, os usuários da língua portuguesa dizem que os progenitores são os pais. Errado! O elemento “pro” significa “antes”; e o elemento “genitor(a)”, “aquele que gera”. Assim, quando se pensar em progenitores, que se pense nos “avós”. Quanto aos pais, deve-se empregar o vocábulo “genitores”.

CÔNJUGE. Alguns desvios da norma culta passam despercebidos (não notados) no dia a dia, independentemente do nível de escolaridade das pessoas. Um deles tem a ver com a palavra “cônjuge”. Mesmo que se refira à esposa de “Fulano”, que se diga sempre “o cônjuge” (e não “a cônjuge”). Vale dizer que não existe a forma variante “cônjugue”, com “gue”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *