Às vezes é preciso mudar, para amar

Muitas vezes não gostamos de ser perturbados pelas crenças que estabelecemos para nós mesmos, e acabamos atingindo um estado de hibernação, esquecendo que a vida pode ser fantástica. Outros não querem ter empenho em reunir novas ideias para rejuvenescer o Espírito, trazendo mais coragem e amor à vida. Aqui vale lembrar que “poder” nada mais é que energia e esforço organizado. Quando não ficamos procurando “culpados” pela nossa derrota, conseguimos ter perspectiva de êxito ao longo da vida. “O que eu fiz ontem me aproximou ou me distanciou do meu objetivo?” Se aproximou, eu reforço. Se não me aproximou, deve ficar claro a necessidade de mudança.

Comece a implementar pequenas mudanças, e verá o início de uma nova jornada em seu relacionamento, lembrando que todas as vezes que dificuldade surgirem, a decisão será bem simples, retenha o que é bom, alimente o que te faz bem, descarte o que foi ruim, e esqueça o que faz mal… Vivendo um dia de cada vez. Acredite no amor, pois não é de hoje que sabemos “sem amor eu nada seria” (Música: Monte Castelo – Legião Urbana), ao mesmo tempo em que 1 Coríntios 13:7, fala que o amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. Ah, o amor…. não é apenas dizer eu te amo, não é status de relacionamento, não é apenas andar de mãos dadas, não é apenas ações em público. O amor verdadeiro é querer estar junto, é ser único na vida de alguém, é amar e ser amado na mesma intensidade, é sorrir mais do que chorar, é amar as qualidade e os defeitos de uma pessoa, é voltar pra conversar depois de uma briga, é medo de perder, não é algo que você escolhe sentir mas que você decide ser fiel a ele (a esse sentimento nobre),  é não pedir nada em troca, é o fato de não querer uma amor por apenas carência ou medo de ficar sozinho, o amor é mais que isso. É vontade de andar de mãos dadas durante o dia e de pés dados durante a noite, mesmo em meio a dor exalar perfume, em meio a decepção e escuridão ver luz, em meio a tristeza sentir a alegria de amar, amar alguém é deixar fluir o sentimento e ser capaz de amar, e amar simplesmente. É ser feliz por poder amar.

E um dos grandes segredos é não desistir desse amor, pois sempre há uma alternativa, uma atitude, portanto haja, faça, dê o seu melhor e não desista nunca. Tente até vencer. Vença as crenças, os bloqueios, os obstáculos para viver a plenitude. Não existem pessoas perfeitas, nem relações perfeitas, mas pessoas que buscam compreender que todos passamos por dificuldades e que é possível melhorar diversos aspectos em nossas vidas, em nossa rotina, e em nossos relacionamentos, para alcançarmos a plenitude é libertador, quando nos libertamos de toda a dor que já vivemos.

Sempre com novidades no @virginia.pelles 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *