Quem é responsável pelo prazer?

A paciência é amarga, mas seus frutos são doces, segundo Augusto Cury. Agora a pergunta que não quer calar: “Você anda tendo paciência?” Isso mesmo, tem tido paciência com quem você ama? Vou um pouco mais além, você tem tido paciência consigo mesma?

Ter paciência consigo mesmo, é não se cobrar tanto, não se culpar tanto, mas assumir a responsabilidade sobre o que te acontece, inclusive o prazer, esse é o segundo passo para resgatar o amor próprio e estabelecer o prazer na vida. Você a maior responsável pelo prazer na sua vida.

Muitas mulheres esperam do parceiro que ele as dê prazer, mas não esperam com paciência, ficam ansiosas para sentir algo, outras esperam que ele apenas note a necessidade que ela tem de ter prazer. Outras falam dessa necessidade, mas em forma de cobrança e também não dá certo. Algumas chegam a “desenhar” e mesmo assim eles não entendem.

O fato é que se você está em busca de prazer, precisa se permitir mais, ter mais paciência com com você, sabe por quê? Mudar de atitude leva tempo, é preciso se adaptar, se entregar, se permitir sem nenhuma expectativa. Não esperar nada de ninguém faz vida mais leve.

Aceite, assuma, e mude aquilo que não gosta, afirme todos os dias na frente do espelho “Eu sou linda”. Irei falar novamente, não devemos ter a nossa imagem ligada ao julgamentos dos outros, mas sim ao nosso julgamento. Precisamos perceber quem realmente somos. Outra dica básica, para de criticar pessoas próximas, dizendo que é verdadeira, pratique a empatia e respeito mútuo por isso, gera paz excede todo entendimento. Por isso julgue menos, se ame mais, seja linda e feliz, deixe quem quiser ser também!

Sempre tem novidades por aqui, pelo @virginia.pelles e no Canal no YouTube Virginia Pelles. E para maiores informações, eis me aqui, Virginia Pelles https://www.virginiapelles.com.br .

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *